Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

segunda-feira, 20 de agosto de 2012

MÉXICO CRESCE MAIS QUE BRASIL

Não é só no futebol que o México vem superando o Brasil. O país passa por um bom momento econômico, e diversos analistas consideram que a economia mexicana tornou-se a principal estrela da América Latina, suplantando o Brasil. No mercado de ações, enquanto o IPC mexicano valorizou-se 9,36% em 2012 e 19,08% nos últimos 12 meses, o Ibovespa ficou para trás, com 4,1% e 11,2%, respectivamente. O PIB mexicano cresceu 3,9% em 2011, comparado aos 2,7% do Brasil. Mas foram nos últimos trimestres que o contraste entre as duas economias ficou mais evidente. O México vem crescendo a um ritmo trimestral de 4% ou mais desde o segundo semestre do ano passado, enquanto o Brasil desacelerou a partir de um nível bem inferior: a expansão caiu de 2,1% no terceiro trimestre de 2011 para 0,8% no primeiro trimestre deste ano. Fonte: Estadão.

A diferença é particularmente forte no setor industrial, a área mais vulnerável da economia brasileira recentemente. O Brasil teve taxas negativas para a produção industrial nos últimos três trimestres, enquanto no México o segmento cresceu a um ritmo próximo de 5%. Refletindo a maré de otimismo com o México, o grupo financeiro Nomura previu em julho que a economia mexicana, crescendo a uma média de 3,5% a 4,5%, iria ultrapassar a brasileira num prazo de dez anos. Fonte: Estadão.

Enquanto o Brasil está preocupado com julgamento do mensalão, com a CPMI do Cachoeira, do plano espuma da Dilma e eleições municipais, o México está crescendo a uma taxa de 3,5% a 4,5% e o segmento industrial crescendo próximo de 5% ao ano.   Oxalá, o vento mude de direção aqui no front interno, para que a previsão da corretora Nomure não acerte na previsão.

Acorda presidente Dilma, que se não correr os mexicanos vão deixar o Brasil comendo poeira!

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foir prof. da UFPR
Twitter: @sakamori10

2 comentários:

  1. A ideologia ultrapassada do PT contra o setor privado vai afundar o Brasil.

    ResponderExcluir
  2. A indústria no México cresce porque várias empresas norte-americanas ultrapassam as fronteiras em busca de salários menores. O lucro continua com os norte-americanos. O México ainda nao se descolou dos EUA. Todo setor industrial do país é transnacional. As fraudes eleitores no México em 2006 são notórias. PIB nao mede nada. Podem até estar crescendo, mas estão no atraso.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.