Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 29 de agosto de 2012

LÍDER DO PMDB LEVARÁ OBRA DE R$ 7 BILHÕES. ISTO QUE É GOVERNO DILMA

Líder do PMDB na Câmara e pré-candidato à Presidência da Casa, o deputado Henrique Eduardo Alves faz lobby no Tribunal de Contas da União para que um de seus sócios obtenha o contrato de concessão da BR-101, entre o Espírito Santo e a Bahia. O negócio envolve cerca de R$ 7 bilhões. 

A concessão da BR-101 é a primeira do governo Dilma Rousseff e está parada no TCU e na Justiça por questionamentos da Rodovia Capixaba, segunda colocada no leilão do trecho, à classificação, em primeiro, do consórcio Rodovia da Vitória. Após sucessivos adiamentos, o tribunal marcou para hoje julgamento de recurso do Ministério Público junto ao TCU para impedir a contratação do grupo vencedor por supostas falhas na proposta.  

A concessão da BR-101, cujo leilão foi realizado em janeiro, definiu o consórcio Rodovia da Vitória como vencedor com preço de pedágio mais baixo. A proposta do grupo não continha 35 itens exigidos pela Agência Nacional de Infraestrutura de Transportes, o que foi complementado em diligências posteriores. A omissão levou o Ministério Público Federal a pedir liminares suspendendo o processo, concedidas pela Justiça. O TCU, que também havia decidido pela suspensão, revogou a medida após esclarecimentos da área técnica, o que levou ao recurso que será apreciado hoje. O trecho da concessão tem 475 quilômetros e será explorado pelo grupo vencedor por 25 anos. 

O crédito da matéria acima é do Estadão de hoje.  Como vocês podem ver, está tudo em casa.  O líder do PMDB na Câmara, faz parte da base de apoio do governo Dilma.  Acho que nem precisa comentar mais.  Mais uma teta em favor dos aliados políticos, mesmo que tenha que desclassificar o primeiro colocado nas licitações.

Este é o governo Dilma. Anotem, para cobrar depois.

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi prof. da UFPR
Twitter: @sakamori10 

Um comentário:

  1. Sakamori não é de hoje, leia o artigo http://www.istoe.com.br/reportagens/23670_UM+VICE+RIQUINHO

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.