Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

terça-feira, 28 de agosto de 2012

R$ 811 MILHÕES DE CONTAS INATIVAS DO FGTS PRONTOS PARA SAQUES

Assim como acontece com o Fundo 157, existe no FGTS contas inativas no montante de R$ 811 milhões, disponíveis para saques, sem burocracia.  Estas contas, são dos trabalhadores que não fazem depósitos no FGTS há mais de 3 anos, ou seja "Contas Inativas" segundo CEF.

De acordo com o FGTS, são diversas condições para o saque do fundo, mas especificamente as contas inativas tem a seguinte regra: "Quando o trabalhador permanecer por 03 (três) anos ininterruptos fora do regime do FGTS, cujo afastamento tenha ocorrido a partir de 14/07/90, inclusive, podendo o saque, neste caso, ser efetuado a partir do mês de aniversário do titular da conta."

O procedimento para o saque é muito simples, ainda de acordo com FGTS, basta se apresentar no balcão da CEF com o "Comprovante de inscrição no PIS/PASEP ou inscrição de Contribuinte Individual, no INSS, quando empregado doméstico não cadastrado no PIS/PASEP" .

Existem no mercado, muitos espertalhões, que tem uma listagem conseguido, por meios ilegais, tentando prestar serviço de assessoria para tais saques, como são feitas nos casos de Fundo 157.  Os que estão na situação descrita anteriormente, dirijam-se à CEF com os documentos e mãos e em 15 dias, poderão comparecer para o recebimento "em dinheiro", sem intermediários.

Quem souber de prestadores de serviços desta natureza, poderão ser denunciados nas Delegacias de Defesa do Consumidor.

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi prof. da UFPR
e-mail : sakamori10@gmail.com  

8 comentários:

  1. Infelizmente ainda reina no Brasil a delinquencia generalizada. Gente que frauda para receber benefícios do INSS, seguro obrigatório por acidentes de trânsito, seguro total por roubo de veículo e tantos outros que a fraude para sacar o FGTS é só mais uma.

    Precisamos combater esse tipo de estelionato, que prejudica o menos esclarecido, e isso se faz aumentando a autonomia dos menos favorecidos através da educação. Quem sabe ler e escrever, e entende o que está lendo (não o analfabeto funcional) fica menos sujeito a golpes desse tipo.

    É preciso combater também as pequenas desonestidades nossas de cada dia: o troco recebido a mais que não se devolve; a pequena trapaça ao declarar o Imposto de Renda; a fila (de banco, do caixa, do cinema) que se fura sem direito; a "balinha"(ou qqer produto) que se consome dentro do supermercado sem pagar; o mandar dizer que não está (e não que não pode falar no momento) qdo toca o telefone indesejado; etc.

    Como dizia o saudoso Wilson Trópia: a crise no Brasil não é política, é de caráter!

    http://amilcarfaria.blogspot.com.br/2012/08/o-direito-de-todos-x-o-direito-de-1-so.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo com o que o Senhor Amilcar disse, só não sei como é que as pessoas vão aprender isso de vez e mudar as feições desse país que poderia ser muito melhor, solidário e rico.

      Excluir
  2. ...."Quem souber de prestadores de serviços desta natureza, poderão (PODERA DELUNCIA-LOS) ser denunciados nas Delegacias de Defesa do Consumidor."

    ResponderExcluir
  3. O senhor esta equivocado, isso nao existe, pois mesmo a conta sendo inativa, o TRABALHADOR devera ficar 3 anos sem ser celetista.

    ResponderExcluir
  4. infelizmente que existe esse tipo de desconforto para nos trabalhador que tem seu direito preso voce que sai de uma empresa que pedi a conta nao pode saqua seu fundo ge garantia nunca vi isto se e seu direitode receber ai fica a nossa caixa com nosso dinheiro contruindo apto vedendo por um preco absurdo com nosso dinheiro que fica la ai voce tem que fica tres anos parado para receber ai sim mais que vai pagasuas conta se voce que mesmo fica esperando esta coisa e um absurdo faze isto com agente

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  6. Vdd. Liberem nosso dinheiro governo ditador

    ResponderExcluir
  7. Vdd. Liberem nosso dinheiro governo ditador

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.