Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 2 de agosto de 2012

JOSÉ DIRCEU 2014 !

Isto mesmo.  José Dirceu, candidato à presidência em 2014, pelo Partido dos Trabalhadores.  Tenho mil razões para afirmar isto, caso  ele seja absolvido no processo mensalão, cujo julgamento está em curso no STF.


Para quem não sabe, José Dirceu foi quem fez Lula presidente do Brasil.  Ele foi construindo o metalúrgico Lula, num candidato potencial ao cargo máximo da República, desde época em que Lula era simples dirigente dos metalúrgicos em São Bernardo.  José Dirceu foi um dos fundadores do Partido dos Trabalhadores e sempre fez parte da corrente majoritária do partido.  Ele fez Lula presidente da República, após muitas tentativas frustadas.


Ele se nomeou ministro chefe da Casa Civil do governo do presidente Lula.  Era então, o todo poderoso do governo Lula. Seu método em conseguir apoio através de aliciamento dos parlamentares no Congresso Nacional, deu no que deu.  A operação denominado de mensalão, acabou alijando-o do poder e o colocando no limbo, politicamente.  Mas, tirando a presidente Dilma. na prática ele, José Dirceu, é o homem mais forte da República do Partido dos Trabalhadores.


Se absolvido pelo STF neste processo denominado de mensalão, ele vai voltar com força total.  Ele, ainda, na prática domina o Partido dos Trabalhadores.  Sem as amarras do processo mensalão, sendo absolvido pelo STF, não há nem Lula e nem Dilma que segure a sua indicação pelo Partido dos Trabalhadores, como postulante ao cargo de presidente da República em substituição a atual presidente Dilma.  


Sendo eleito presidente da República, que ainda é uma incógnita, ele vai conduzir o país com a mão de ferro.  Não no sentido de mão de ferro da Margaret Thatcher, mas provavelmente como a mão do Baby Doc.  Torço para que o ministro José Dirceu seja condenado pelo processo mensalão.  Em havendo absolvição, torço que ele faça o governo que beneficie não somente os companheiros de partido, mas sobretudo o povo brasileiro.  Naturalmente, sem roubalheira.


Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi prof. da UFPR
Twitter: @sakamori10

2 comentários:

  1. Pau nesse libanês. Ferro no sem-vergonha !

    ResponderExcluir
  2. Excelente artigo, e bem possível de se tornar realidade

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.