Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

NATAL DE 2012 SERÁ 0 MELHOR DOS ÚLTIMOS TEMPOS

O ministro Guido Mantega (Fazenda) afirmou ontem que a economia já está dando sinais consistentes de retomada. Segundo ele, as previsões indicam que o último trimestre deste ano fechará com um crescimento de 4%. Fonte: Folha.

Em julho, o índice de desemprego foi de 5,2%, o mais baixo da série histórica nacional, segundo o ministro. No mês, foram criados 142 mil postos de trabalho formais. "Isso no meio de uma crise mundial", disse. Fonte: Folha.

 "O governo está mantendo um programa de incentivo ao investimento para retomarmos as taxas de 2007", disse. Naquele momento, o investimento crescia acima de 20%, superando o ritmo de alta do consumo e do PIB. Fonte: Folha.

Ainda segundo o ministro, se o objetivo for atingido, haverá ainda mais produção e mais consumo. Mantega citou pesquisa de uma consultoria que projeta o Brasil como o quinto maior mercado de consumo no mundo em 2020. Fonte: Folha.

Os trechos acima foram pinçados da Folha, apenas, em pontos convergentes com o meu pensamento.  Dedes 15 de fevereiro deste ano, dia que comecei escrever este blog, não me lembro de ter concordado com a opinião do ministro Mantega.  No entanto, neste caso concordo com o ministro Mantega no tocante ao crescimento do último trimestre do ano em 4% , isto anualizado vai dar abaixo de 1,8% porque o crescimento dos primeiros 2 trimestres foram pífios.

Eu já disse e repito aqui, o Brasil é maior que os partidos políticos.  O país cresce pela vocação, apesar de políticas econômicas equivocadas de sucessivos governos.  A história do Brasil mostra isso, o Brasil cresceu e cresce desde à época de revolução, período em que me tornei empresário.  Basta que as ideologias de partidos políticos não atrapalhem para o Brasil ser uma potência mundial.  Pode colocar um ou uma presidente medíocre ou melhor até melhor que coloquem um  ou uma medíocre.  Presidente medíocre pelo menos ouve os reclamos da população, do que personagens carimbadas que estão muito mais preocupados com a sua própria imagem e popularidade do que a demanda do país.  

O Natal de 2012, será no ponto de vista econômico, o melhor dos últimos tempos.  É a minha previsão.  Veja que tenho acertado a maioria dela.

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi prof. da UFPR
e-mail: sakamori10@gmail.com

Um comentário:

  1. Mas só consumo, a longo prazo, resolve a economia nacional? E a nossa indústria? Dizem que estamos sofrendo de desindustrialização, pois o que aumenta é a importação de produtos acabados (para o consumo) e também componentes para produtos "nacionais".

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.