Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

terça-feira, 11 de setembro de 2012

DILMA, VOCÊ VAI DAR DESCONTO NA CONTA DE LUZ?


Durante evento que marca assinatura da medida provisória que vai permitir a prorrogação das concessões do setor de energia, a presidente Dilma explicou que a agência ainda terá de concluir, um a um, os estudos de cada empresa, até o mês de março. Para todas as companhias com contratos vencendo, será levantado exatamente o valor que já foi amortizado. Se ainda faltar qualquer compensação à empresa, o governo pagará a diferença e quitará o débito. Fonte: Folha.

O fundo existente para repor o valor desses ativos, que já concentra R$ 20 bilhões, segundo a Fazenda, deve ser capaz de cumprir a tarefa. Mas, caso não seja suficiente, o governo lançará mão de uma fatia do aporte anual previsto, que soma, no total, R$ 3,3 bilhões. Fonte: Folha.


Da lista de encargos completamente cortados da conta do consumidor e das empresas que renovarem contratos, estão: CCC (Conta de Consumo de Combustíveis) e RGR (Reserva Global de Reversão). A CDE (Conta de Desenvolvimento Energético) será reduzida em 25% do seu valor atual. No Orçamento de 2013, o governo já tinha previsto, R$ 15 bilhões para desoneração de forma geral - inclusive para cortes dos encargos da energia. Fonte: Folha.


O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, explicou que o investimento do governo, que os R$ 3,3 bilhões sairão do Tesouro Nacional. Ele reforçou, no entanto, que esse pagamento será possível graças a uma dívida, de igual tamanho, que é paga anualmente pela usina de Itaipu ao Tesouro Nacional e à Eletrobras. Fonte: Folha.


Como pode ver acima, o desconto anunciado pela presidente Dilma, de 16% a 28%, nada mais é do que em decorrência da utilização dos fundos constituídos pelos próprios consumidores durante anos, nos diversos governos, inclusive no do presidente Lula e Dilma.  Os vídeos que circulam nas redes sociais sobre o tema, são em sua maioria verdadeiros, como acima explicado.  

O que se questiona enfim, é a forma como os fatos são passados para a população.  Em cadeia nacional, anunciar os fatos como se fossem a mágica inventada por ela, Dilma, cheira claramente populismo no velho estilo, para tornar a figura da presidente como a salvadora da pátria.  Coincidência ou não, o anúncio fora feita justamente no auge da campanha eleitoral, com certeza, de influir positivamente aos candidatos apoiados pela presidente Dilma.  

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, filiado ao PDT, foi prof. da UFPR.  E-mail: sakamori10@gmail.com

2 comentários:

  1. Há anos que venho acompanhando sobre a determinação do TCU para que o governo devolva o que pagamos a mais na conta de luz.
    O anúncio é um golpe contra a verdade.

    ResponderExcluir
  2. Bom mesmo seria se essa gente tivesse vergonha e falasse a verdade. Essa é uma parte do que foi cobrado a ( + ) mais injustamente em nossas contas de energia e que a justiça já mandou devolver mas até agora não fizeram e agora a menos de 30 dias das eleições esta sendo usado como uma escancarada compra de votos para o PT. Onde esta nossa justiça?

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.