Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 8 de agosto de 2013

O cartel do DNIT financiou Dilma 2010.

Sim, o cartel das empreiteiras do DNIT financiou a campanha presidencial da Dilma em 2010.  Esta denúncia, já fiz aqui diversas vezes, mas não prosperou. Não vingou, por motivos que passo a narrar.

Volto ao assunto, porque o momento é propício, está em andamento a investigação pelo ministro da Justiça Eduardo Cardozo, o cartel dos fornecedores de equipamentos de Metrô de São Paulo.  A imprensa brasileira, vem pegando pesado contra o governo do Geraldo Alckmin, sem mesmo tendo comprovação de que houve conluio dos agentes públicos.  O volume do suposto favorecimento, segundo a imprensa, resultou em benefício de R$ 24,4 milhões para os governos do PSDB.  Eu penso, se o Geraldo Alckmin praticou o ato de peculato, ele deve responder pelos tais crimes.  Isto já disse nas duas matérias anteriores sobre o tema.

Segundo minha fonte JP, o cartel das empreiteiras do DNIT contribuiu, além das contribuições oficiais, cerca de R$ 1,4 bilhão em forma de Caixa 2, ou seja em forma de dinheiro não contabilizado para campanha presidencial da Dilma e conexos.  Isto é o resultado da contribuição do cartel das empreiteiras do DNIT em forma de DNITduto em troca de liberação de cerca de R$ 46 bilhões em obras de infraestrutura no ano de 2010.  Deste montante,  R$ 20 bilhões iniciais foram liberadas pela então chefe da Casa Civil a Dilma Rousseff.

Segundo JP, dos R$ 1,4 bilhão de DNITduto, foi cerca de R$ 600 milhões para a campanha presidencial e R$ 800 milhões para campanhas conexas, regionais.  Valores nada expressivos se compararmos com o que está nas manchete dos jornais sobre o METROduto de R$ 24,4 milhões.  O buraco era mais para baixo, como falamos em linguagem chula.

O Procurador Geral da República mandou arquivar o processo que fora aberto no âmbito do MPF, exatamente sobre o DNITduto, em decorrência das denúncias havido sobre o ministro Alfredo Nascimento e sobre o diretor geral do DNIT, à época, Luiz Antonio Pagot.  Lembrando que ambos foram demitidos dos respectivos cargos em decorrência das denúncias de corrupção no DNIT.  Agora, com o inquérito arquivado, os dois estão com a "carta de alforria" e seus supostos mandantes, também livres das acusações.  Deu carta de alforria também à própria Dilma, na época, suposta mandante.  Um outro cara chamado José Dirceu, numa situação semelhante, está condenado a cumprir pena de prisão, só para lembrança de todos.

O cartel das empreiteiras do DNIT tem força.  O cartel tem força porque tem nos seus cerca de 200 empreiteiros que formam o cartel, tem os rabos dos políticos beneficiários do DNITduto, presos e muito bem presos.  A melhor defesa para os beneficiários do DNITduto seria que o processo contra os supostos mandantes Alfredo Nascimento e Luiz Antonio Pagot fosse arquivado, porque dando sequência, fatalmente, chegaria à porta do Palácio do Planalto, de ontem e de hoje.  Assim, o processo DNITduto foi arquivado.

A CPMI do Cachoeira, começou com estardalhaço, porque o beneficiário do DNITduto seria o governador de Goiás, Marconi Perillo, desafeto do presidente Lula.  No caso, o membro do cartel era a Delta Construções.  A mesma empreiteira que abastecia o Caixa 2 da campanha do governador Sérgio Cabral.  Misteriosamente, a CPMI instaurada pelo PT terminou com lacônico relatório de 2 páginas, sem indicar ou indiciar nenhum dos acusados.  Nem mesmo o Carlos Ramos que teria lavado cerca de R$ 400 milhões do esquema Delta também a empreiteira do DNIT.

Ainda, segundo a minha fonte JP, há um caminho muito fácil de checar o propinoduto do DNIT ou DNITduto.  Bastaria rastrear o caminho do dinheiro da primeira fatura do DNIT, de cada obra realizada em 2010, nos 3 dias úteis subsequentes ao do dia da liberação do pagamento.  O dinheiro Caixa 2 corresponde a 3% do valor da obra, segundo JP, percorre um dos dois caminhos.  Um caminho seria para empresa fantasmas para saque em dinheiro, uma espécie de branqueamento do dinheiro sujo, para entrega em espécie para o beneficiário.  Outro caminho seria levantamento do dinheiro em espécie, sob o título de pagamento da folha de pagamento dos operários.

Não adianta chamar os donos das empreiteiras para os depoimentos.  As empreiteiras que fazem parte do cartel não são tão inocentes de se declararem culpados, como fez o executivo da Siemens.  Desculpem a brincadeira, mas o alemão é sério até na hora de roubar.  Os brasileiros já são malandros, como o presidente Lula, nega até o fim.  É o jeito brasileiro de corromper ou ser corrompido, infelizmente.  O cartel das empreiteiras do DNIT fez pacto com o governo Dilma, assim como já tinha feito com o governo Lula, de confidencialidade.  O pacto de empreiteiras, não tem ata, não deixa rastro.  O pacto de empreiteiras é no velho estilo, "no fio do bigode".  E funciona.  Funciona assim há décadas.  

Como o dinheiro corre dos cofres públicos para empreiteiras e das empreiteiras para os beneficiários, é conhecido.  O COAF - Conselho de Controle de Atividades Financeiras, subordinado ao ministério da Fazenda, tem todo rastreamento armazenado no sistema.  Basta acioná-lo para seguir o caminho do dinheiro.  Para quem não sabe, COAF é braço do DEA - Drug Enforcement Administration do ministério da Justiça dos EEUU.  Em querendo a Justiça americana poderia fazê-la, sem muitas formalidades.  Em querendo, o ministério da Justiça do Brasil poderia fazê-la sem muitas formalidades.  

Pronto, JP nos forneceu os nomes dos "bois" e ainda o caminho que levam aos beneficiários do DNITduto.  Nada de tentar arrancar confissões à força como se empreiteiras fossem ladrões de galinha.  As instituições da República tem os seus próprios instrumentos de investigação.  Por que não o utiliza?  Por que a Dilma que diz contra corrupção, não manda investigar com rigor e determinação o DNITduto, se tem ela tem poder para mandar fazê-la?  Por que não usa do mesmo rigor de investigação do METROduto também para com o DNITduto?  O rigor depende de interesses políticos?

Já vou avisando... Não adianta me fazer presunto.  O JP está vivo!

Ossami Sakamori

23 comentários:

  1. Porque: http://www.midiasemmascara.org/artigos/movimento-revolucionario/10740-o-ovo-das-serpentes-gemeas.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  2. Bom dia Amigo!
    Quadrilhas estão assolando o país, tudo acontece sob os holofotes, somente uma intervenção será capaz de parar este sistema corrupto e corruptor, não vejo outra saida.
    É somente pagar a conta e se indignar..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  3. Perfeita sua informação, como venho dizendo conforme minha lógica fiscal/legal onde atuei por muitos anos, Cartel (caixa 2)é sistema velho de grandes negociatas entre empresários, governo e quase todas empreiteiras. A grande, geralmente não executa nada, terceiriza ou loteia para as pequenas por áreas de serviços e fornecimentos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  4. É roubo de tudo quanto é lado, estamos sendo saqueados meu país roubado.
    Tô começando acreditar que só uma intervenção é o caso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  5. O brasileiro corrupto,ja tem o carater deformado por natureza e sabe perfeitamente o que fazer em caso de denuncias.So espero que a nova geracao de politicos nao seja uma continuacao dessa geracao de "velhotes safados" caras de pau como sao os politicos de hoje.Infelizmente, as denuncias quando chegam sao so uma acumulacao de tais praticas,ou seja,nao se sabe qual e a pior praticada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  6. não entendi bem, onde estão as provas?
    pareceu defesa e justificativa para o roubo em São Paulo.
    Roubo é roubo, ninguém pode roubar porque o outro roubou.
    tem disputa para quem roubou mais?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado Edwy,

      Com todo respeito que tenho pelas pessoas mais novas. Eu com 69 anos não permite mais brincar com coisa séria. Creio que você não deve ter lido texto inteiro. Você está tirando ilações por conta própria.

      Eu disse textualmente, que se o governador Alckmin tem culpa que ele pague pelo erro. Se a justiça determinar que ele faça companhia do José Dirceu, que ele o faça.

      Por outro lado, diante de tanta evidência, desejo que a justiça apure os fatos narrados do DNITduto. Seja quem for o culpado, se assim a justiça entender, que os culpados ou a culpada que faça a companhia do José Dirceu.

      Estamos conversados ou você ainda tem dúvida?

      De qualquer forma, agradeço pela sua participação!

      Excluir
    2. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  7. Prbns..!!!..Sr Ossami,pela coragem o que está acontecendo no nosso País é mto vergonhoso,cuide-se com esta corja de bandidos..Gente como vc é o que precisamos,pela honra de nossa Pátria...Deus tarda mas não falta eles irão pagar bem caro pelos desmandos causados.....Boa Sorte.........!........Reservista 1ªCategoria de 46...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  8. Saakamori:

    Uma só palavra para este texto seu: Excelente.

    Mas, para a situação da política suja do nosso Brasil: Repugnante.

    Eu também acho que TODOS os corruptos de TODOS os partidos, devem ser punidos, não interessa quem sejam, ou quais amizades tenham.

    Mas, deve-se punir também os que corrompem, pois, uns não podem existir sem os outros.

    E, mais: que se devolva o que se roubou, que se retomem os que se comprou com o dinheiro público roubado.

    Essa farra tem que acabar. Só isso!


    Eli dos Reis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia a seguinte informação da CVM e tire suas próprias conclusões a respeito do autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

      Excluir
  9. Leiam a seguinte informação da CVM e tirem suas próprias conclusões sobre o autor do blog: http://www.cvm.gov.br/port/descol/respdecis.asp?File=5285-0.HTM

    ResponderExcluir
  10. Para quem possa interessar,

    O processo da CVM em referência foi arquivado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi arquivado tal qual a fantasiosa estória de que o DNIT teria financiado Dilma em 2010. Aliás, no último caso, de tão absurda e irreal, a estória sequer foi processada. Abraços!

      Excluir
  11. Já vou avisando. Não me calam, tão facilmente. Já houveram inúmeras tentativas de me calarem. Estas tentativas, me faz mais forte para continuar defendendo o meu País.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tentar calar um contador de estórias seria burrice, por razões óbvias. Abraços!

      Excluir
  12. Realmente é o fim da picada. Não tem partido ou político que escape da roubalheira no Brasil. Todos trabalham no interesse próprio e de sua corporação. Quanto ao Zé povinho, sobra só imposto e descaso nos serviços públicos. Funciona assim: As empresas financiam a campanha dos políticos e depois querem receber através de participação na administração com juros e correção. Pior de tudo, sem dinheiro dificilmente alguém chega ao poder e caso chegue quase nada poderá fazer sozinho. Já diz o refrão: O povo fudido já tá com o negócio ardido.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.