Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sexta-feira, 25 de julho de 2014

PQP! Vá para casa, Dilma!


Não tem mais jeito. Por mais que me esforce para acreditar no Brasil, as medidas na área econômica são tomadas "nas coxas". O Banco Central anunciou a liberação de R$ 30 bilhões dos depósitos compulsórios, no sentido de estimular o crédito ao consumidor.  

Há um erro sistêmico, um grande equívoco, na formulação da política econômica (sic) do governo Dilma. Isto eu já disse 1.200 vezes, aqui. Há uma enorme distorção na economia em função da política econômica equivocada. Hoje, estamos pagando o erro cometido pelo crescimento pífio e inflação alta.

Para tentar salvar a reeleição, Dilma tenta consertar a situação, ou seja, segurar inflação e ao mesmo tempo estimular o crescimento.  Há poucos dias, Banco Central confirmou a taxa Selic em 11%, com intuito de segurar a inflação. Embora, eu particularmente, ache que a taxa Selic não é remédio, mas apenas termômetro da credibilidade da economia.  A medida anunciada hoje, vai na contramão da medida para segurar a inflação.

É um tal de medidas "tapa buraco" para tentar garantir a reeleição.  Mas, os empresários sabem da política econômica (sic) equivocada.  Os consumidores estão retraindo pela falta de confiança no futuro do País.  Além do mais, os consumidores estão com comprometimento da sua renda muito alto, cerca de 50% da sua renda bruta.

O valor de R$ 30 bilhões despejados na economia sob forma de liberação dos depósitos compulsórios, não é expressivo a ponto de mudar a tendência da economia no curto prazo.  Creio, que psicologicamente, isto vai trazer remarcações de preços, baseado tão somente no anúncio que a Dilma fará com estardalhaço de sempre.

Não tenho mais esperança de correção de medidas na política econômica do governo Dilma.  O ministro da Fazenda Guido Mantega e o presidente do Banco Central Alexandre Tombini, errou na formulação da política econômica (sic) e agora tenta remediar.  Não há tempo hábil para corrigir os erros cometidos, nesta gestão.

Como certa vez disse o deputado Roberto Jefferson, estas sucessões de besteiras praticadas pela equipe econômica da Dilma, que a mim me parece infantil, vem de dentro de mim uma revolta tão grande que vem dentro de mim o instinto animal para dizer:

PQP! Vá para casa Dilma!

Ossami Sakamori

3 comentários:

  1. Sakamori o PT vai te retaliar. Veja essas notícias:
    Pela manhã li a notícia abaixo nesse site:
    "http://coturnonoturno.blogspot.com.br/2014/07/bancos-orientam-clientes-nao-reeleger.html
    sexta-feira, 25 de julho de 2014
    Bancos orientam clientes a não reeleger Dilma para não perderem dinheiro.
    Reprodução
    Para o Santander, que enviou a correspondência acima aos seus clientes, a reeleição de Dilma será uma catástrofe financeira: câmbio desvalorizado, alta de juros, Bolsa caindo, deterioração dos fundamentos macroeconômicos. Se você quer manter o seu dinheiro seguro, ouça o seu banco. Eles sabem das coisas. Dá até medo votar na Dilma."
    E à tarde veio essa noticia do PT: "sexta-feira, 25 de julho de 2014
    Presidente do Partido dos Trabalhadores comemora demissão de trabalhadores do Santander. É o novo PT. O PT que manda demitir.
    O presidente do PT, Rui Falcão, afirmou na noite desta sexta-feira (25) que o banco Santander pediu desculpas pelo texto distribuído para correntistas em que descreve a reeleição da presidente Dilma Rousseff como uma ameaça à economia. Ele disse que foram feitas demissões na instituição.

    "Já houve um pedido de desculpas formal enviada à Presidência. [...] A informação que deram é que estão demitindo todo o setor que foi responsável pela produção do texto. Inclusive gente de cima. E estão procurando uma maneira resgatar o que fizeram", disse Falcão." Viu Sakamori, não se pode mais avisar do perigo do PT. Rui Falcão fica irado.

    ResponderExcluir
  2. Nas coxas? Eu penso que ela só possui meio neurônio e mesmo assim siflitico!

    ResponderExcluir
  3. Realmente conforme a explicação didática do sr. Sakamori, não há mais tempo de consertar a economia e o governo vai empurrando com a barriga com medidas paliativas até as eleições. Caso a dilma se reeleja medidas duríssimas virão para consertar o estrago feito e quem vai pagar o pato somos todos nós. Esse episódio do banco Santander é uma demonstração inequívoca de que não existe mais o tal estado democrático de direito e essa corja está suprimindo a liberdade de pensamento e expressão. Estamos órfãos de pai e mãe e as instituições que poderiam nos defender principalmente as FFAA e o congresso nacional, estão completamente subjugados pelo Executivo que realmente comanda esta infeliz nação, com mão de ferro exatamente como fazem os países comunistas.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.