Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

domingo, 1 de setembro de 2013

PPS. José Serra, presidente 2014. Álvaro Dias, vice.

As notícias sobre quadro de eleições à presidência da República em 2014 não tinha muita novidade até hoje.  No entanto, circulam notícias na imprensa de que José Serra poderá, eventualmente, ser candidato à presidência pelo PPS.  Isto é novidade.  

As movimentações da tropa de choque do José Serra, leva a crer que há uma chance grande de que isto vir a acontecer.  O senador Aécio Neves, virtual candidato pelo PSDB, não tem recebido acolhida calorosa pelos caciques do PSDB em São Paulo.  O PSDB/SP pode estar articulando o apoio branco para a candidatura do José Serra à presidência da República.  Neste caso, o mineiro Aécio, não teria apoio dos seus companheiros de São Paulo.  

Lembrando que o estado de São Paulo detém mais de 20% do colégio eleitoral para eleições em âmbito nacional, o candidato que sair de São Paulo terá um background muito grande.  Em caso de candidatura do José Serra para presidência, o PSD/SP do Gilberto Kassab daria apoio, sem fechar com a presidente Dilma.  Caso confirme a candidatura do José Serra, o estado de São Paulo, vai praticamente fechado, mesmo que sob forma de apoio branco, pelo PPS, PSDB e PSD.  A articulação está sendo costurado pelo governador Alckmin, segundo minhas fontes.

As notícias da Folha diz que o José Serra teria convidado o Senador Álvaro Dias, atualmente, PSDB/PR para ser seu vice, com eventual migração do Senador para PPS.  Creio, pessoalmente, que o Senador não vá atender o convite do José Serra, porque tem sua candidatura ao Senado Federal praticamente garantida.  Mas, o simples convite faz do Senador Álvaro Dias, um nome importante na coordenação da sua campanha, a do Serra.  

No meu entender, o convite para o Senador Álvaro Dias foi uma forma de neutralizar a pretensão do Senador, de uma eventual postulação da sua candidatura à presidência por um outro partido que não seja PPS.  A vaga de vice-presidente, poderá vir de um nome do PSD do nordeste.  PSD, estará desembarcando do apoio à Dilma em 2014, até o final do ano, nestas condições, seguindo tradição de fidelidade o Kassab ao Serra.

Desta forma, fica como pretensos candidatos à presidência da República os nomes da Dilma Rousseff pelo PT, Aécio Neves pelo PSDB, Eduardo Campos pelo PSB, Marina Silva pela Rede e José Serra pelo PPS.  

Ainda é prematuro dizer que o quadro é definitivo, mas a novidade é que o José Serra não era considerado como eventual candidato à presidência em 2014.  Mas o fato é que o quadro sem Serra é uma coisa e o quadro com Serra é totalmente diferente!

Nota: O meu nome para candidatura à presidência da República em 2014, neste momento, é do Senador Alvaro Dias.    

Ossami Sakamori

3 comentários:

  1. Serra, Presidente? Deus me livre, tô fora!!!! Eu só voto nos "dois gordinhos": 00.

    ResponderExcluir
  2. Não larga o osso mesmo, perdeu duas eleições, não precisava disputar outra vez.

    ResponderExcluir
  3. Deus nos livre....Serra nunca mais!!!!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.