Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

terça-feira, 5 de março de 2013

ELEIÇÕES 2014. DILMA AVISA QUE VAI FAZER O DIABO !


Uai, que eu saiba Dilma Rousseff foi eleito para governar o Brasil de todos nós.  Só faltava ela governar para quem tem carteirinha de petistas ou de partidos da base do governo.  Presidente da República tem compromisso com os 194 milhões de brasileiros, não só aos 55% de eleitores que escolheram o nome dela.  Pensamento tacanha, miúdo, míope, da Dilma e dos políticos de modo geral neste País. Claro, com exceções! 


Em meio a um clima de campanha eleitoral antecipada, a presidente da República, Dilma Rousseff, disse nesta segunda-feira (4) que seu governo respeita os políticos de partidos adversários, apesar das paixões eleitorais. Fonte: Folha.

"Nós podemos disputar eleição, nós podemos brigar na eleição, nós podemos fazer o diabo quando é a hora da eleição. Agora, quando a gente está no exercício do mandato, nós temos que nos respeitar, porque fomos eleitos pelo voto direto do povo brasileiro", disse Dilma, durante cerimônia de entrega de um conjunto habitacional em João Pessoa, na Paraíba. Fonte: Folha.

Em um discurso de 32 minutos, com direito a "tchauzinhos" para a plateia, a presidente citou seu antecessor no cargo, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, e afagou o PSB do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, possível concorrente no ano que vem na corrida ao Palácio do Planalto. Fonte: Folha.

Após dizer que as moradias que estava inaugurando eram "diferentes, com qualidade e acabamento" em relação às que se construíam antes no Brasil, Dilma disse que as realizações de seu governo não são favores, mas "obrigação e dever do Estado brasileiro". Fonte: Folha.

Quando era para acompanhar o governador Eduardo Campos (PSB) em inaugurações pelo interior de Pernambuco, recusou do convite, ou melhor quebrou o dedão do pé.  E aceitou o convite do governador Ricardo Coutinho (PSB) de Paraíba, encostadinho ao Pernambuco, para participar de inaugurações.  Já foi uma cutucadinha ao Eduardo Campos, apesar de tE-lo afagado nas suas falas.

É um recadinho para Eduardo Campos (PSB) para ele se aliar à sua candidatura em 2014.  Caso contrário, vai fazer diabo (sic), quando ele, Eduardo Campos, virar oponente à sua candidatura.  Um recado mais do que explícito para o governador de Pernambuco.  O crescimento do nome do Eduardo Campos como potencial candidato ao cargo da Dilma está crescendo muito rapidamente, isto assusta os presidentes Dilma e Lula.

A temporada de caça já começou.  Avalio que após mês de junho próximo, quando Aécio Neves (PSDB), se lançar informalmente candidato à presidência da República, a coisa vai esquentar.  À essa altura, Eduardo Campos (PSB) terá que definir se vai ser candidato ou não ao mesmo cargo pleiteado pelo Aécio (PSDB) e Dilma (PT). Mês de junho próximo, vai começar a temporada de luta dos MMAs.  Não só Dilma, mas todos candidatos, vão fazer o diabo para um derrubar o outro.  

Enquanto isso, os assuntos da administração federal, estarão todos voltados aos interesses da Dilma, visando sua reeleição.  Governo federal trabalhando à favor da candidata Dilma do PT, a 1 ano e meio, antes do pleito.  Espero que isto, a utilização da máquina pública federal, não venha agravar ainda mais a deterioração do quadro econômico do País.  O povo, não tem nada a ver com as pretensões pessoais da presidente Dilma.  Pense no assunto, presidente!

Dilma vai fazer o diabo para ganhar eleições!

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi professor da UFPR, filiado ao PDT.  Twitter: @sakamori12

3 comentários:

  1. Nós, já vivemos num quase inferno...comandados por uma equipe infernal...Celly Mattos

    ResponderExcluir
  2. Francisco Carvalho Filho - É possível que agora não vai ser como o LULA, a justiça omissa, já foi longe demais, o Brasil precisa de seriedade ou afunda, aí vai todo mundo junto, claro menos quem tem os 32 trilhões no exterior, já era hora de divulgar a relação dos trilhonarios. Via-CellyMattos

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.