Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

CONFIRMADO, DILMA É POSTE DO LULA!


Curiosamente, enquanto uma parte da população vê com certa desconfiança a real capacidade de gerenciamento da presidente Dilma, os ícones Lula e Eike Batista, ambos com notória ascendência sobre a primeira, marcam reuniões de trabalho, respectivamente na sede do executivo municipal de São Paulo e no Palácio do Planalto.  


Um dia depois de retornar de férias, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva protagonizou ontem reunião com o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), e parte do seu secretariado, e expôs o que espera da gestão do homem que escolheu para governar a capital paulista. Fonte: Folha.

Na mesa de reuniões do gabinete de Haddad, sentou-se por uma hora entre ele e a vice-prefeita, Nádia Campeão (PC do B). Convidados na véspera para o encontro, 11 dos principais secretários da administração petista ouviram diretrizes de Lula. Fonte: Folha.


Apesar de ter sido Eike quem pediu o encontro com os diferentes ministérios, integrantes do governo federal explicaram que, "por uma questão de logística", decidiu-se fazer uma única reunião na Casa Civil, um andar acima do ocupado pela presidente Dilma Rousseff no Palácio do Planalto. Fonte: Folha.

Além de Gleisi, estiveram presentes os ministros Miriam Belchior (Planejamento), José Leônidas Cristino (Portos) e Paulo Sérgio Passos (Transportes). Também compareceram Bernardo Figueiredo, diretor-presidente da EPL (Empresa de Planejamento e Logística) e um secretário do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento). Fonte: Folha.

Pelo que podemos ver, o Lula exerce poder de comando efetivo sobre o prefeito de São Paulo Fernando Haddad.  Foi ele, Lula, que deu as diretrizes da atuação do governo petista à frente da prefeitura de maior capital do Brasil, segundo noticiários. 

Por outro lado, o menino Eike Batista, marcou reunião no Palácio do Planalto com diversos ministros, acompanhado do pai Eliezer Batista, justamente com a poderosa ministra chefe da Casa Civil.  O normal seria que o executivo fizesse o périplo pelos diversos ministérios para tratar dos seus assuntos privados.  Mas, a realidade é outra, ele manda no Palácio do Planalto.

Estes dois episódios noticiados na imprensa, com defasagem de apenas um dia, demonstra a fraqueza da presidente Dilma no comando do maior País da América Latina.  É o que o mercado financeiro temia.  Como dizem o povo, a presidente Dilma, não passa de poste do presidente Lula.  Dilma está lá, para guardar a cadeira do presidente para o seu "padrinho" Don Luis Inácio Lula da Silva.

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi professor da UFPR, filiado ao PDT.  Twitter: @sakamori12

Um comentário:

  1. Eu já fiz um comentário à respeito e volto a dizer: Dilma é uma ponte para Lula e outros. Ponte serve para ligar um lugar a outro e todos passam por cima da mesma. Assim é Dilma. Lula passa por cima dela(Dilma)indo de uma vida privada(ex-presidente) à vida pública(presidente na sombra)em Brasília ou São Paulo.
    Infelizmente nós, povo brasileiro em sua maioria, ainda somos como gado no campo. É só aparecer um boi que mugi alto e começa a caminhar que todos vão atrás.
    Como podemos aceitar de cabeça baixa tanto roubo em nosso rosto do nosso próprio dinheiro e não termos forças para reagir? E,ainda por cima, defender os ladrões?
    Ser povo ordeiro é uma coisa, ser covarde é outra. Covarde porque não defendemos o futuro dos nossas filhos pois sem educação não vivemos. Sobrevivemos. E a diferença dessas duas palavras é grande.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.