Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sexta-feira, 25 de maio de 2012

FGTS ROUBADO PELA DILMA JÁ VAI A R$ 6,5 BI NESTE ANO

As políticas de estímulo à economia da administração petista fizeram disparar uma despesa que, até então, tinha participação discreta no Orçamento federal. Trata-se dos subsídios e subvenções econômicas, que, na maior parte dos casos, são verbas entregues pelo Tesouro Nacional a bancos para permitir financiamentos com juros favorecidos a setores considerados estratégicos. 

Do total de subsídios concedidos de janeiro a abril do ano de 2012 soma R$ 11,9 bilhões sendo que R$ 6,5 bilhões se refere ao subsídio ao programa Minha Casa Minha Vida.  

Conforme já noticiado por este bloguista, a orígem do subsídio do programa Minha Casa Minha Vida, foi revelado pelo senador petista Paulo Paim, na audiência pública que fora realizado em 25/4 no Senado Federal, vem do FGTS a "fundo perdido".  Lembrando que o FGTS não é dinheiro do governo federal, mas sim, dinheiro proveniente de depósitos em nome individual de cada trabalhador.  

Resumindo, o governo Dilma, assim como o seu antecessor o Lula, vem subsidiando o programa "carro chefe" com o dinheiro alheio, isto é dinheiro dos trabalhadores.  Isto foi confirmado pelo senador Paulo Paim e assentida pela senadora Marta Suplicy do partido do governo, que nada contestou sobre o fato, naquela audiência pública.  O programa que me refiro, não está disponível no site do TV Senado, para variar.

Este espaço está disponível para qualquer explicação sobre o tema por parte do governo Dilma. 

Ossami Sakamori, 67, engenheiro civil, foi prof.da UFPR. Twitter: @sakamori10


Um comentário:

  1. Doutor em Mentira e Corrupção, nem o aviso divino de um câncer ajudou ele a refletir sobre sua vida de covardia e mentira com o povo que acreditou nele.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.