Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sexta-feira, 24 de julho de 2015

Culpados, somos nós!

Crédito da imagem: Publico

Nunca foi tão fácil para qualquer articulista fazer a matéria do dia. Tem notícias ruins todos os dias, sobretudo na área econômica. Estamos a viver recordes negativos todos os meses, desde o início do segundo mandato da presidente Dilma. O pior é de que o fundo do poço está longe de ser alcançado. As nuvens negras não se dissiparam ainda, pelo contrário, a visão do horizonte não está nada animador.

O quadro da economia nos próximos meses, pelo menos até o final do ano, é de piora. A inflação não dará trégua com a política econômica equivocada. O dólar vai continuar valorizando em relação ao real. A retração da economia ainda não chegou no fundo do poço. Numa atitude irresponsável e impensada da equipe econômica, a taxa Selic continuará subindo a cada reunião do Copom. As demissões nas fábricas vão continuar. Os pequenos negócios estão fechando as portas. Isto é o quadro geral da economia brasileira.

Este blog vem chamando atenção sobre os equívocos da política econômica do governo Dilma, há mais de 3 anos. Durante 4 anos do primeiro mandato, a Dilma pautou em proporcionar "sensação de bem estar" e a "sensação do poder de compra", com intenção de manter a popularidade nos níveis do seu antecessor o Lula da Silva. É uma pena que somente após a crise se instalar, a grande imprensa e os articulistas de renome, parecem ter acordados e começaram a falar no tema. Depois de leite derramado é fácil apontar os erros.

Não me chamem de pregador de apocalipse. Não, não sou. Infelizmente, o segundo mandato da Dilma, segue a mesma política econômica equivocada. Diferencia-se apenas no tratamento da "política fiscal", que Levy optou em fazer ajustes para alcançar o equilíbrio, fugindo das "pedaladas fiscais". Isto só, não é suficiente para que o País volte ao "desenvolvimento sustentável". Há que fazer ajustes estruturais na política econômica para direcionar o País para desenvolvimento que o País necessita. Estamos a viver, para cobrir o rombo de caixa de cada mês. Toma-se todo o tempo da equipe econômica em tapar buracos!

Não, não basta mudar o "nome" do administrador para o País. Não adianta trazer para a presidência da República personalidade que enxerguem apenas a fórmula clássica de política econômica do FMI. É necessário que o novo presidente, aquele que eventualmente venha substituir a Dilma, terá que ter nova visão sobre o futuro do Brasil. 

O que venha ser esta nova visão? A política econômica para um país emergente não pode privilegiar os banqueiros e agiotas nacionais e internacionais. Terá que romper com a velha dogma de transferência de renda dos pobres para os ricos. Terá que fugir do conceito clássico do FMI. Tem jeito? Tem jeito, sim! Basta ter a "vontade política" para implementar a nova matriz econômica.

A atual presidente, Dilma Vana Rousseff, é uma pessoa egoísta, incompetente, arrogante e corrupta. Não há como um país com 8.500.000 Km2 e 205 milhões de pessoas vivendo nele, com potencial de crescimento enorme, manter uma presidente esquizofrênica, somente e tão somente, para não romper o pseudo-democracia. Há vários procedimentos institucionais que permitem encerrar o mandado de um presidente da República antes de completar o período a que foi eleito. Infelizmente, o Congresso Nacional está cheio de parlamentares que apoiam a presidente visando tão somente preservar os privilégios da base aliada. Há que mudar este quadro, também.

Que cada um faça reflexão para analisar sobre a personalidade esquizofrênica da Dilma e fazer movimento para condená-la a renúncia ou ao impeachment. Não, não tem outra forma. Se assim não fizermos, seremos cobrados pela geração futura de não termos tomado atitude na hora certa. Façamos isto, antes que o Brasil se torne uma país inviável por décadas, como vem ocorrendo com vários países da Europa. 


Se temos um pouco de brio e vergonha na cara, chegou a hora de colocar a dupla Dilma e Lula da Silva, na Papuda. Uai, José Sócrates, ex-primeiro ministro de Portugal não está na cadeia? Será que o Brasil sempre será lenientes com os seus governantes? Foi preciso que jornal londrino Finantial Times mostrasse a nossa realidade para enxergar as nossas próprias mazelas? Vamos dar um basta nisto!

Culpados, somos nós!

SetembroNegro

Ossami Sakamori














10 comentários:

  1. Não tem como não ser sua fã n.1 Esse artigo está sereno, centradíssimo.. E refletiu com prfeição o sentimento nacional. Parabéns, Sakamori! Um dos melhores que li aqui. Abçs!

    ResponderExcluir
  2. Só há uma saída realista.
    Basta vermos o episódio da Queda da Bastilha,na França.
    Como ocorreu,por que ocorreu e de que forma ocorreu.
    Infelizmente,não existe outra saída.
    Entraram na base da mentira e estão se sustentando à custa da miséria do povo e,o povo oprimido e miserável promoveu a Queda da Bastilha,embora não tenha havido risos e flores,mas com choro e sangue.Indo como estamos indo já fomos dominados e destinados à derrocada.Para doença crônica,remédio amargo.Melhor morrer lutando,que morrer à míngua,nas mãos desses políticos que têm como profissão de fé a malandragem e falta de patriotismo,fingindo nada ver e nada saber sobre a realidade do país.

    ResponderExcluir
  3. Sim culpados somos nós que criamos nossos filhos sem procurar incutir neles o amor a Pátria, Hoje são jovens alienados. Não se preocupam em se organizarem protestando contra toda babaridade que esse governo vem fazendo. Nao existem mais os caras pintadas. Hoje existe a geraçao do zap zap. Culpados somos nós, que ficamos somente nas redes sociais a expor nossa indignaçao. ë preciso que nossa Voz seja ouvida nas ruas. nos plenários. Fui da época que se cantava o Hino Nacional antes de entrar em sala com hasteamento da bandeira nacional, das aulas de Moral e Cívica. Pena nao ter conseguido passar o patriotismo aos filhos.

    ResponderExcluir
  4. Somos culpados sim,por que nos enganaram,com urnas viciadas,com promessas mentirosas e ações ineptas,sem qualquer retorno prático ao povo,tão espoliado e sofrido,sem qualquer expectativa de futuro.
    Somos cúmplices,por omissão,por aceitar um sistema podre e falido,baseado em roubos deslavados e legalizados por falsos brasileiros,que detêm o poder.
    Só nos restou chamar ladrões de excelências...

    ResponderExcluir
  5. Acrescento que uma boa parte do CONGRESSO NACIONAL está nas mãos dela, porque devem ter sido beneficiados para apoia-la.
    Sim amigo Sakamori, sua análise é perfeita, agora vamos ver o que Povo Brasileiro irá decidir, se ficarem em casa no dia dos diversos protestos que faremos pelo FORA DILMA serão coniventes com tudo que está ai, se forem junto conosco às ruas, forte pressionaremos o CONGRESSO NACIONAL, aí sim, a ESPERANÇA RENASCERÁ, por que o Povo nas Ruas é o único caminho que temos, até pq com esta Oposição de faz de conta, a VERDADEIRA OPOSIÇÃO SOMOS NÓS, POVO BRASILEIRO, PATRIOTAS E DO BEM. Parabéns amigo, cada dia me encanto mais com mais com suas matérias, que sempre me levam a reflexão. Até amanhã se Deus quiser.
    Cida LemosPE

    ResponderExcluir
  6. Compartilho dos pensamentos postados anteriormente aqui neste blog.

    ResponderExcluir
  7. Vamos dar um basta nisto! Mas vamos como? Com as mãos nuas? Não dá. Com a merda dos militares bolivarianos que temos e defendem tanto o PT como o PC do B, fora a doida da dilma e o parvalhão do lula? Não dá. Só se essa doida tivesse um momente de lucidez e refflexão, resolvesse pedir a demissão de imediato. Só assim. Se tocassemos num político com duas valentes bofetadas, aí sim, teriamos os militares assumindo e matando finalmente o povo, defendendo o PT e o PC do B mais todos os outros partidos politicos que estão roubando o Brasil.

    ResponderExcluir
  8. Bem Saka, dizem que lugar de bandido é na cadeia, mas parece que para nós, lugar de bandido é no Planalto. Acredito que somos culpados com tudo que está acontecendo, mas enquanto ñ se colocarem os valores nos seus devidos lugares, é impossível lutar sózinho. Acho que quando a populaçāo parar de pagar tudo....luz, água , contas, impostos....o governo ñ vai ter mais mula para montar e os bancos dinheiro para explorar. Se é para acabar para começar....então vamos. Que saia a vara de porcos que nos governa e entre seres humanos.

    ResponderExcluir
  9. Bem Saka, dizem que lugar de bandido é na cadeia, mas parece que para nós, lugar de bandido é no Planalto. Acredito que somos culpados com tudo que está acontecendo, mas enquanto ñ se colocarem os valores nos seus devidos lugares, é impossível lutar sózinho. Acho que quando a populaçāo parar de pagar tudo....luz, água , contas, impostos....o governo ñ vai ter mais mula para montar e os bancos dinheiro para explorar. Se é para acabar para começar....então vamos. Que saia a vara de porcos que nos governa e entre seres humanos.

    ResponderExcluir
  10. Eles nunca me engaram pois jamais votei neles !
    Sempre tive a opinião de que o povo interesseiro e ignóbil que não sabe votar com consciência é o culpado dessa lamentável situação .
    Já está passando até da hora de se tomar uma atitude enérgica e patriótica , exigindo a queda dessa "bostilha "chamada PT, Dilma , Lula e seus asseclas.
    EXCELENTE E PERFEITO ARTIGO !

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.