Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 21 de fevereiro de 2015

#VemPraRua15deMarco

Movimento:


Dia :      15 de março de 2015.
Horário: À partir de 9:30h ou
              outro horário definido pelas lideranças locais.



Recomendações:

1. Usar roupas claras para diferenciar-se das eventuais infiltrações de "black blocs" !
2.  As cores de predominância deverá ser as cores da bandeira brasileira ou brancas!
3.  Evite roupas de cores escuras!
4.  Não levar crianças pequenas!
5.  Evite comprar material vendidos pelas lideranças!
6.  O movimento não tem dono!


RELAÇÃO DAS CIDADES:


Americana - SP - Avenida Brasil.

Apucarana - PR - Praça da Catedral. às 15:00 h

Aracaju - SE - Arco da Orla às 9:30 h.


Araçatuba - SP - Rotatória da Av. Brasília com Av. Pompeu de Toledo. às 9:30 h

Arapiraca - AL - Praça Marques. às 9:30 h.

Arujá - SP - Praça do Coreto. às 14:00 h

Assis - SP - São Francisco de Assis. às 17:00 h

Atibaia - SP - Praça Igreja Matriz. às 9:30 h

Bagé - RS - Praça da Estação. às 15:00 h

Balneário Camboriú - SC - Av. Atlântica, praça Tamandaré.

Belém - PA - Praça da Republica. às 9:30 h

Belo Horizonte - MG - Praça da Liberdade. às 15:00 h


Bertioga - SP - Av. 19 de Maio. às 9:30 h

Blumenau - SC - Em frente a Prefeitura. às 16:00 h


Botucatu - SP - Largo Catedral Metropolitano. às 15:00 h

Bragança Paulista - SP - Praça Rui Leme. às 16:00 h

Brasilia - DF - Congresso Nacional. às 9:30 h.


Campina Grande - PB - Pça. Luiz Gonzaga c/ Rua Jackson do Pandeiro.

Campinas - SP - Largo do Rosário. às 16:00 h

Campo Grande - MS - Praça do Rádio.


Canoinhas - SC - Praça do Centenário. às 16:00 h

Casa Branca - SP - Praça da Matriz.

Cascavel - PR - Av. Brasil, frente a Catedral. às 15:00 h

Catanduva - SP - Praça da Matriz. às 9:30 h

Caxias do Sul - RS - Praça do Dante. às 15:00 h

Chapecó - SC - Praça Central.


Codo - MA - Praça da Prefeitura.

Criciúma - SC - Parque das Nações.

Cubatão - SP - Em frente SENAI. às 16:00 h

Cuiabá - MT - Praça Alencastro.


Curitiba - PR - Praça Santos Andrade. às 14:00 h

Curitibanos - SC - Praça da Republica.


Curvelo - MG - Praça Central do Brasil. às 10:00 h

Fernandópolis - SP - Praça da Matriz. às 9:30 h

Florianópolis - SC - Ticen. às 9:30 h

Fortaleza - CE - Praça Portugal. às 10:00 h.

Goiânia - GO - Praça Tamandaré. às 14:00 h


Guarulhos - SP - Bosque Maia. às 11:00 h

Itabuna - BA - Jardim do Ó. 

Itajaí - SC - Igreja Matriz.


Itú - SP - Praça da Matriz. às 9:30 h

Imperatriz - MA - Praça da Fátima. às 9:30 h

Jaguariúna - SP - Centro Cultural.

Jaraguá do Sul - SC - Praça Angelo Piazero.

João Pessoa - PB - Busto do Tamandaré. às 16:00 h.

Joinville - SC - Praça da Bandeira. às 16:00 h


Juiz de Fora - MG - Parque Halfeld. às 10:00 h

Jundiaí - SP - Av nove de Julho- Pontilhão da Nove.


Londrina - PR - Concha Acústica. às 15:00 h

Macapá - AP - Praça da Bandeira.

Maceió - AL - Corredor Vera Arruda - Jatiúca. às 8:30 h

Manaus - AM - Av. Eduardo Ribeiro. às 9:30 h

Marabá - PA - Praça Duque de Caxias. às 16:00 h

Maringá - PR - Catedral centro.


Mococa - SP - Em frente a Eletro.

Mogi das Cruzes - SP - Praça Oswaldo Cruz. às 9:30 h

Natal - RN - Em frente ao Midway. às 15:00 h

Osasco - SP - Av. Hirante Sanazar.

Palmas - TO - Praça dos Girassóis. às 16:00 h

Paulista - PE - Praça Agamenon Magalhães

Petrolina - PE - Praça da Catedral

Pindamonhangaba - SP - Praça Monsenhor Marcondes

Piracicaba - SP - Praça José Bonifácio. às 9: 30 h


Pitanga - PR - Praça da Pitanguinha. às 9:00 h

Porto Alegre - RS - Parque Moinhos de Vento  às 15:00 h.

Recife - PE - Av Boa Viagem /Padaria Boa Viagem às 9:00 h

Ribeirão Pires - SP - Vila do Doce

Ribeirão Preto - SP - Praça Carlos Gomes

Rio Branco - AC - Em frente ao palácio do governo

Rio de Janeiro - RJ - Praia de Copacabana - Posto 5. 

às 9:30 h.

Rio Verde - GO - Igreja Matriz.

Salvador - BA - Em frente ao farol.


Santa Fé do Sul - RS - Praça da Matriz. às 9:30 h

Santa Maria - RS - Saldanha Marinho. às 14:00 h


Santarém - PA - Praça São Sebastião. às 16:30 h

Santo André - SP - Paço Municipal. às 10:00 h

Santos - SP - Praça do Surfista. às 16:00 h

São Caetano do Sul - SP - Câmara Municipal. às 15:00 h


São Carlos - SP - Praça do Mercado. às 10:00 h

São Bernardo do Campo - SP - Parque Anchieta.

São José do Rio Preto - SP - Av. Alberto Andaló. às 9:30 h

São José dos Campos - SP - Av. Afonso Pena. às 15:00 h

São José dos Pinhais - PR - Em frente Catedral. às 14:00 h

Sete Lagoas - MG - Lagoa Paulino. às 10:00 h

São Lourenço do Sul - RS - Pref. Municipal. às 14:00 h

São Luís - MA - Av. Litorânea. às 9:00 h.

São Paulo - SP - Av. Paulista. MASP. às 14:00 h

São Sebastião -SP - Praça do Coreto. às 15:00 h

Sorocaba - SP - Praça do Canhão. às 16:00 h

Taubaté - SP - Praça do Batalhão da PM. às 15:00 h

Teresina - PI - Av. Castelo Branco. Alepi. às 16:00 h

Tubarão - SC - Prefeitura Municipal. às 16:00 h

Tupã - SP - Praça da Bandeira. às 9: 30 h

Uberaba - MG - Calçadão. às 16:00 h

Uberlândia - MG - Praça Tubal Vilela. às 9:30 h


Vinhedo - SP - Portal.  às 15:00 h

Vitória - ES - Petrobras. às 16:00 h 


Votuporanga - SP - Praça da Matriz. às 9:30 h

Nota: Não somos coordenadores do movimento.

Ossami Sakamori
@SakaSakamori


Dr. Angelo Carbone
@drangelocarbone

Marisa Cruz
@MarisasCruz

ProfeBorto
@ProfeBorto





10 comentários:

  1. Link do texto:
    http://aluizioamorim.blogspot.com.br/2015/02/extra-conclave-de-lisboa-neste-sabado.html

    Um movimento internacional denunciará o ataque que o Brasil e demais países latino-americanos vêm sofrendo pelo movimento comunista, dito bolivariano, conduzido pelo Foro de São Paulo, organização esquerdista fundada em 1990 por Lula e Fidel Castro na capital paulista.
    Trata-se de uma iniciativa pessoal de um brasileiro, Dalmo Acorsini, que há uns 20 anos vive nos Estados Unidos, na Florida e que imediatamente passou a ganhar apoio não apenas no Brasil, mais em outros países, como em Portugal, onde neste sábado, dia 21 de fevereiro, acontecerá o Conclave de Lisboa. Dalmo Acorsini e aproximadamente mais 200 pessoas estarão protestando às 15 horas (hora local) em frente ao Consulado do Brasil na capital portuguesa. Haverá também uma conferência de imprensa quando o movimento liderado por Acorsini apresentará documentos "comprovado a fraude e corrupção" eleitoral ocorridas em eleições no Brasil e demais países latino-americanos, onde os processos eleitorais eletrônicos foram realizados pela empresa venezuelana Smartmatic, que já tem um histórico de denúncias nos Estados Unidos.
    Acorsini anunciará também a confirmação de mais dois conclaves, um Washington e outro em São Francisco, nos Estados Unidos. Em Washington o conclave será realizado no prestigiado Clube Nacional de Imprensa americano. Uma página do movimento foi criada no site de arrecadação de donativos FundRazr, para custear as despesas desses eventos. Até agora os organizadores já conseguiram arrecadar mais de US$ 9 mil dólares. A meta, segundo Acorsini, é totalizar US$ 15 mil dólares, para pagar as despesas em Washington e ainda custear passagens de conferencistas.
    O assunto já ganhou destaque nos veículos de mídia portugueses. Segue matéria veiculada pelo site português TVI24 sobre o evento deste sábado:
    Um grupo de brasileiros está convocando através do Facebook uma manifestação contra a corrupção e a fraude eleitoral no Brasil, em frente ao consulado-geral brasileiro, em Lisboa, neste sábado, 21 de fevereiro, revelou esta quinta-feira um dos organizadores do evento.

    «Esta manifestação é para protestar contra a corrupção no Brasil e a fraude nas urnas eletrónicas das últimas eleições (ocorridas em outubro e novembro de 2014), em especial contra a empresa SmartMatic, que pertence a um grupo venezuelano, e é a responsável pela apuração dos votos eletrónicos no Brasil», disse à Lusa Leonardo Oliveira, um dos responsáveis pela manifestação em Lisboa.

    Segundo Leonardo Oliveira, um dos outros organizadores do evento é um brasileiro que mora nos Estados Unidos, Dalmo Accorsini, que virá à Lisboa e «trará documentação comprovando as fraudes e a corrupção existentes no Brasil».

    De acordo com o organizador, durante uma conferência de imprensa no sábado, antes da manifestação, será apresentada esta documentação aos meios de comunicação social.

    «Falaremos também das ligações do Banco Espírito Santo (BES) ao escândalo do ‘mensalão’ (compra de votos no Congresso Nacional pelo Partido dos Trabalhadores/PT, no poder) e ‘petrolão’ (escândalo de corrupção na Petrobras) e, ainda, mostraremos as conexões do ex-Presidente Lula da Silva com o antigo primeiro-ministro José Sócrates», afirmou.

    Os organizadores esperam «pelo menos 200 pessoas» na manifestação de sábado.

    De acordo com Leonardo Oliveira, a manifestação não tem vínculos políticos e é suportada por simpatizantes e amigos do Facebook, através do «Conclave pela Democracia do Brasil em Lisboa», que é uma das páginas da rede social que está a convocar os brasileiros para o evento.

    O brasileiro disse que manifestações idênticas serão realizadas nas cidades norte-americanas de Washington, a 21 de março. Do site português TVI

    ResponderExcluir
  2. Uma pena que nossos corruptos de carteirinha não estão nem aí para essas manifestações.Esses crápulas só deixam o osso à bala e quem tem bala para eles,que compraram a aliciaram bandidos armados,aqui e fora,fardados ou não.Não acredito que palavras comovam os bandidos que fazem leis e mudam as já existentes,para dar legalidade às falcatruas,de cara dura,que fazem contra o país,já desacreditado até no Paraguai...

    ResponderExcluir
  3. Não podemos deixar passar esta chance de reclamar. Como nas últimas eleições, os omissos são, em parte, responsáveis pela situação vergonhosa que a nação brasileira se encontra. #vemprarua15demarco

    ResponderExcluir
  4. O Ministério da Corrupção informa:
    Sonhar,neste país,faz mal a saúde,pois,quando se acorda,se descobre que o sonho era apenas um PESADELO...

    ResponderExcluir
  5. Os bolivarianos (aqui e lá) acham vazio um movimento que,segundo eles,não vale nada,pois foram eleitos por voto legítimo (será?).Mudam a lei ou fazem novas leis para se auto-blindarem e continuarem na eterna corrupção.Só uma solução será possível,ocorrendo um violento terremoto e proporção continental,ou um novo dilúvio para afogar-nos e também à eles.Não tendo mais o que roubar,vão morrer à mingua,como nós...

    ResponderExcluir
  6. Só acho que por mais barulho que os brasileiros façam não vai mudar muito tirar nossa preseidente para deixar o vice assumir, e de qualquer forma é um processo enorme até conseguir tirar um presidente de seu posto, eleições já foram, diferença pequena mas ganhou, acho válido protestar toda insatisfação agora quebra quebra que é o que vai acontecer acho desnecessário, até pq quando tiveram chance perderam nas urnas, enfim, só aguardando ver muita agência bancária destruída, muito ônibus queimado, muitas pessoas espacandas pela polícia, muita coisa pegando fogo, avenidas, rodovias entre outras bloqueadas, enfim vai ser um atraso e aí quem vai sofrer as consequências somos nós mesmos nesse país pós protestos, onde bancos não estarão funcionando devido ao quebra quebra, menos ônibus pois foram queimados e no máximo saiu a Dilma entrou Michel, querem começar mudando o país? aqui vai um conselho, para uma grande mudança é necessário começar embaixo, eleições 2016 mudem sua cidade para valer, aí depois governador e então presidência, só assim sentiremos uma real melhora, não adianta apontar o dedo para Dilma e desconhecer o restante dos governantes e suas cacas, para abalar uma pirâmide é necessário mexer na base não no topo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais um que não quer enxergar a verdade, Cara vc não sabe a força que um povo tem.

      Excluir
  7. Está em nossas mãos: ou vamos às ruas protestar ou ficamos nas redes sociais achando que é suficiente.

    ResponderExcluir
  8. Que bom, encontrei a cidade que moro na lista, grata Prof.!! Já repassei o link da sua matéria p/ minha lista de contatos, por email.

    ResponderExcluir
  9. Todos juntos e unidos pois não podemos deixar essa grande chance escapar!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.