Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

As razões do colapso energético no Brasil

Por: Alamir Longo



Sabe por que o Brasil está entrando em colapso energético? Não?   
Então, por favor, leia com atenção os dados abaixo que o senhor entenderá perfeitamente.


Depois de conferir se são verdadeiros, favor passar adiante, pois tem muita gente que não sabe disso, e a seiva da ignorância é que nutre e mantêm os políticos safados no Poder.

RELAÇÃO DAS MAIORES HIDRELÉTRICAS EM FUNCIONAMENTO NO BRASIL, QUE ESTÃO PRODUZINDO MAIS DE 1000 MW:
       
01 - Hidrelétrica de Itaipu.......................................14.000 MW - Construída na década de 80;

02 - Hidrelétrica de Tucuruí.....................................8.370 MW - Construída na década de 80;

03 - Hidrelétrica de Ilha Solteira...............................3.444 MW - Construída na década de 70;

04 - Hidrelétrica do Xingó........................................3.162 MW - Iniciada em 82 e concluída em 1994;

05 - Hidrelétrica de Paulo Afonso IV........................2.462 MW - Concluída em 1979;

06 - Hidrelétrica de Itumbiara...................................2.082 MW - Concluída em 1981;

07 - Hidrelétrica de São Simão................................1.710 MW - Concluída em 1978;

08 - Hidrelétrica de Foz da Areia.............................1.676 MW - Concluída em 1979;

09 - Hidrelétrica de Jupiá.........................................1.551 MW - Concluída em 1974;

10 - Hidrelétrica de Itaparica....................................1.500 MW - Início da obra 79- operação 1988;

11 - Hidrelétrica de Itá..............................................1.450 MW - Início da obra 96, término 2000;

12 - Hidrelétrica de Marimbondo..............................1.440 MW - Construída de 1971 a 77;

13 - Hidrelétrica de Porto Primavera........................1.430 MW - Construída entre 1980 e 88;

14 - Hidrelétrica de Salto Santiago..........................1.420 MW - Entrada em operação, 1980;

15 - Hidrelétrica de Água Vermelha.........................1.392 MW - Entrada em funcionamento 1979;

16 - Hidrelétrica de Segredo....................................1.260 MW - Construída entre 1987 a 91;

17 - Hidrelétrica de Salto Caxias.............................1.240 MW - Construída entre 1995 a 99;

18 - Hidrelétrica de Furnas......................................1.216 MW - Inaugurada em 1963;

19 - Hidrelétrica de Emborcação.............................1.192 MW - Início de operação 1986;

20 - Hidrelétrica de Machadinho..............................1.140 MW - Construída de 1997 a 2002;

21 - Hidrelétrica de Salto Osório..............................1.078 MW - Entrou em funcionamento em 1975;

22 - Hidrelétrica Luiz Carlos Barreto........................1.050 MW - Início de operação, 1969;

23 - Hidrelétrica de Sobradinho...............................1.050 MW - Construída entre 1973 e 79;
     
Notem que, das 23 maiores hidrelétricas em operação no país, 20 foram obras dos governos militares, sendo que Itaipu é a 2ª maior usina do mundo e Tucuruí a 5ª.


Não há sequer UMA OBRA de grande porte no setor de energia, iniciada e terminada no governo petista. A única coisa que estão fazendo é ressuscitar as termoelétricas, verdadeiros dragões para o meio ambiente e um veneno para a economia.


Nos últimos 25 anos não fizeram mais nada! O que tem por aí são “puxadinhos” e obras intermináveis, superfaturadas, roubadas, assaltadas e saqueadas pela monstruosa máquina de propaganda e roubalheira instalada nas entranhas da governança, como é o caso da Usina de Belo Monte, que aliás, vai sair o olho da cara e terá uma pífia produção de energia.

E ainda tem gente que acredita que essa crise do setor elétrico, é culpa do pobre do SÃO PEDRO.

Só o que falta é dizerem que essa monumental roubalheira da Petrobras é culpa de JESUS CRISTO.


É só o que está faltando.


Autor: Alamir Longo

Assino em baixo!
Com ressalva de que as Usinas de Santo Antonio e Jirau em Rondônia, no Rio Madeira estão para entrar em operação.

Ossami Sakamori


5 comentários:

  1. Pela manhã, Dilma, Presidenta do Brasil, ficou surpresa ao ler a seguinte notícia nos jornais:
    Maria Sebastiana, uma jovem mãe brasileira, não assistida por qualquer Bolsa do governo, residente em Brasília, registra em um cartório Capital Federal, seus dois filhos gêmeos, recém-nascidos: uma menina e um menino, com os nomes de Dilma e Brasil.
    Honrada pelas circunstancias, Dilma decide visitar a mãe em questão, para mostrar seus agradecimentos pela decisão de dar a seus filhos gêmeos o seu próprio nome e o nome do pais que preside, pelo menos na sua imaginação.
    Ao chegar na modesta residência da jovem mãe, encontra Maria Sebastiana dando de mamar (peito) para a bebê Dilma; a Presidenta reitera seus agradecimentos e pergunta para a mãe dos gêmeos: Aonde está Brasil, o irmãozinho dessa querida esfomeada que não para de mamar?
    Maria Sebastiana responde que Brasil está dormindo profundamente faz bastante tempo...
    Estranhando a resposta, a Presidenta tem a ousadia de aconselhar para que a mãe desperte o garoto para que assim a Presidenta tivesse a oportunidade de vê-lo.
    A resposta de Maria Sebastiana deixa a Presidenta sem fala:
    - Senhora Presidenta, acho melhor não acordar o Brasil porque se Brasil desperta...Dilma deixa de mamar....

    ResponderExcluir
  2. . Os militares fizeram projetos a longo prazo, pensando no futuro. Hoje, os políticos pensam em projetos para permanecer no poder. Daí, as ações imediatistas(curto prazo para aparecer o resultado logo). Dessa forma, sem investimento em projetos que ultrapassem vários mandatos, o Brasil vai se deteriorando até ser sucateado. Só não está pior por causa do gasoduto que vem da Bolívia e abastece indústrias em MS, por ex; As usinas nucleares que, também, já operam timidamente e algumas indústrias que possuem geradores ecológicos(movidos a bagaço de cana e outros produtos). Eu já estou pesquisando para comprar um gerador de energia a gasolina para usar em geladeira, freezer, ventilador e algumas lâmpadas, em caso de apagão elétrico. Nem sei se vale a pena.

    ResponderExcluir
  3. - Esse "apagão" é estratégico. Não existe crise de energia elétrica. Existe crise de má gestão pública. Existem 23 Hidrelétricas produzindo mais de 1000 MW cada uma. Somente as sete maiores produzem mais 35 mil MW. Entre as maiores, oito estão na Região Sul do país. Pretendem justificar a incompetência.

    ResponderExcluir
  4. Sakamori:

    O que precisa de muita explicação, não tem explicação!
    Ou estou errado?

    Se eu disser isso para DILMA, ela vai querer que eu explique, com certeza.

    ResponderExcluir
  5. Já pensei em tantas coisas, mas ultimamente estou pensando como o Daniel Camilo, não vale a pena mais nada. O Brasil está sucateado e antes que a fábrica de geradores desapareça, vou tentar conseguir um, para os meus dias de 40 graus. E isso vivendo entre duas Hjdro e uma Termo. Não existe explicação a não ser para o preço da energia

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.