Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Dilma e Levy, vocês vão ver o que é bom para tosse!


Ministro Joaquim Levy da Fazenda fez palestra, hoje, segunda-feira para 375 economistas e empresários membros da Câmara de Comércio Brasil-França. Para ministro não há nada de problemático na economia do País. O ministro Levy deve estar ceguinho, só pode ser.


O Brasil está parando. Ontem mesmo, reafirmei a projeção do PIB em 2015, feito no primeiro dia do segundo mandato da Dilma. Ministro Levy, o País, em vez de crescer vai retrair o PIB em 2%, na minha conta. Até o Banco Central já está admitindo retração de 0,42%. Nem sei dondo o Banco Central foi buscar o número com casas de centésimos! Aliás, número muito otimista.


Disse o ministro na palestra que o custo de "benefícios fiscais" de R$ 100 bilhões é muito. Foi a justificativa que o ministro Levy apresentou para amparar os o aumento dos impostos e contribuições que estão em andamento e os que virão no decorrer do ano. Ministro, só quero lembrar que não foi o FHC que deu estes benefícios, mas sim a própria Dilma no seu primeiro mandato. 


Levy citou também a intervenção necessária no câmbio para equilibrar a economia, como compra de dólares para manutenção da reserva cambial. Esquece o ministro Levy que o Banco Central já vem atuando firme, com sistemática compra de dólares, mas também,na outra ponta vendendo o título "swap cambial tradicional" num montante equivalente a US$ 100 bilhões.


O ministro Levy já pegou a doença da Dilma. Doença de faz de conta que deixa cego. Doença grave para quem está incumbido de conduzir a economia do País nos próximos 4 anos. Só não enxerga quem não quer. O desemprego está visível sobretudo nas camadas de baixa renda. Vide a imagem de fila que fez para 70 vagas com salário de R$ 1.300,00. Apareceram, segundo a imprensa, cerca de 10.000 candidatos. Isto é Brasil real !


Ministro Joaquim Levy, você está precisando fazer visita ao oftalmologista para enxergar melhor. Leve junto a presidente Dilma, também. Tome remédio também contra o "Mentirol" para curar-se da doença que ataca os inquilinos do Palácio do Planalto. Você, deviam estar todos na Papuda, Levy.  


Por enquanto, vamos engolindo sua opinião de que "não há problemática nenhuma no Brasil". Daqui a pouco, o povo #VemPraRua , você verá! 



Dilma e Levy, vocês vão ver o que é bom para tosse!

Ossami Sakamori

10 comentários:

  1. Estes loucos que nos governam e se governam, deveriam ser encostados a "El Parédon" e o "porco" che guevara dar-lhes um tiro na cabeça como fez com milhares de cubanos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso, mesmo!
      São cínicos e podres!
      Pouco estão se lixando para o povo sofrido e batalhador!
      Apoiado, Caminhoneiros!

      Excluir
  2. Acho que a única saída que temos é colocar esse povo na rua. Já que nada veem, nada sabem, nada escutam, nada fazem para o bem do povo e o desenvolvimento da Nação, então o que estão fazendo no Planalto ? ROUBANDO ? Ora vão para as penitenciarias que é lugar de bandidos, garanto que se sairiam bem melhor que no Planalto.

    ResponderExcluir
  3. As coisas no Brasil, infelizmente, não estão nada boas. E as dificuldades para a superação da crise não são poucas. Vamos aguardar e esperar que o ministro Joaquim Levy consiga um caminho para, pelo menos, amenizar a crise que já se encontra em pleno andamento.

    ResponderExcluir
  4. Prevejo uma greve geral nacional, pelo menos entre aqueles que ainda tem emprego... Estatísticas feitas por jornais sérios, claro, fora do Brasil, afirmam que a pobreza cresce vertiginosamente na Argentina, Brasil e Venezuela. Já não dá mais para administrar a crise, o negócio é resolver o impasse da economia, com PIB baixo e Inflação alta, senão, vem uma crise institucional por aí.

    ResponderExcluir
  5. Publicado em 23 de Fevereiro de 2015 às 15h11min - Atualizado em 23/02/2015 às 16h06min
    Com gasolina escassa, litro chega a quase R$ 5
    Em Foz do Iguaçu, Infraero precisou estabelecer plano de contingência para manter reservas e em outros municípios, risco de escassez provocou correria nos postos de combustíveis... link:http://cgn.uol.com.br/noticia/125217/com-gasolina-escassa-litro-chega-a-quase-r-5

    MT, PR e SC têm falta de combustível por protesto de caminhoneiros, diz sindicato. Link:http://economia.uol.com.br/noticias/reuters/2015/02/23/mt-pr-e-sc-sofrem-com-pontos-de-desabastecimento-de-combustiveis-diz-sindicom.htm

    Obs: Já vimos isso na década de 90 e não gostamos.

    ResponderExcluir
  6. Caro Prof., ótimo texto. Este ministro é um típico petista: não vê nada, não sabe de nada... vive em um país que não é o Brasil. Os cidadãos que se sentem ameaçados em seus direitos têm que ir p/ as ruas em 15/03 p/ protestar! E os Omissos, que perderão a chance de exercer sua cidadania, não poderão reclamar da situação em que se encontram, pois não reagiram.

    ResponderExcluir
  7. Quem podia ir embora daqui e não foi vai comer o pão que o diabo amassou com o traseiro...

    ResponderExcluir

  8. Descobriram:
    Os elevados custos dos "benefícios fiscais", criados na administração de DILMA, da ordem de R$.100 bilhões, são culpa de FHC.

    ResponderExcluir
  9. Afinal, aprovadas as contas oferecidas por Cruela em 9 de dezembro naquela votação histórica que nos fez engolir uma maquiagem estragada, para onde foi o dinheiro realmente?

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.