Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015

Títulos da Petrobras viraram "micos" !


A presidente Dilma Rousseff classificou o rebaixamento do risco da Petrobras de grau de investimento para grau de especulação pela agência Moody's como "uma falta de conhecimento". Notificado ontem pela agência, o ministro da Fazenda tentou reverter o rebaixamento oferecendo garantia do governo federal para honrar os compromissos da Petrobras, mas não conseguiu. Falta de conhecimento sobre o mercado financeiro deve ser dela própria.

Em razão do rebaixamento da classificação pelo Moody's, a dívida da Petrobras no mercado de Franckfurt, que estava sendo negociado no dia de hohe com deságio (desconto) de 80%. O deságio reflete a crença de que a Petrobras tem pouca chance (20%) de honrar com os pagamentos dos bônus ou empréstimos nas datas combinadas.

Este blog já chamou atenção para o risco do sistema Petrobras no dia 17/01/2015 com o título: "O rombo potencial do sistema Petrobras é de R$ 708 bilhões". Com sempre, a imprensa brasileira não chamou atenção para o fato de que inexoravelmente haveria o rebaixamento de risco pelas agências de classificação. A imprensa brasileira corre sempre atrás de fatos acontecidos. 

O oferecimento de garantia do Tesouro para honrar os compromissos da Petrobras pelo ministro Joaquim Levy, carece de respaldo de leis brasileiras. O Tesouro Nacional não deve socorrer empresas inadimplentes, mesmo que estas sejam de economia mista. Ministro Joaquim Levy à mando da presidente Dilma, ofereceu a garantia que somente o Senado Federal pode autorizar. Este tipo de gesto, mostra a imaturidade do ministro da Fazenda, banqueiro, Joaquim Levy para ocupar o ministério da Fazenda.

Vem aí, a crise do sistema Petrobras, que ascende a R$ 708 bilhões. Isto é como castelo de cartas. Quanto tira uma carta que seja da base do pirâmide caem todas outras cartas do pirâmide. A crise sistêmica da Petrobras poderá refletir no risco do sistema BNDES que tem cerca de R$ 400 bilhões de clientes e ou fornecedores comuns a ambos sistemas. 

A somatória de riscos Petrobras/BNDES ascende a R$ 1,3 trilhões, ou equivalente a 25% do PIB brasileiro. Os riscos Petrobras/BNDES refletem diretamente ao risco Brasil. O rebaixamento de classificação do Mood's de grau de investimento para grau de especulação dos títulos da Petrobras, inexoravelmente, vai levar o grau de risco do títulos do Tesouro do Brasil para o grau de especulação.

O rebaixamento da classificação de risco da Petrobras, põe em mesmo grau de riscos os títulos das empresas com compõe o sistema Petrobras no grau de especulação. Em outras palavras, os papeis da Petrobras e das empreiteiras e fornecedoras da Companhia viraram todos  "micos".

Ossami Sakamori
@SakaSakamori




10 comentários:

  1. Não é apenas isso. Aguarde, pois vai piorar, e muito! Março vem aí.

    ResponderExcluir
  2. As ações da Petrobrás são um mico desde quando tentaram transformar a empresa de Petrobrax... A Petrobrás virou um travesti triste e confuso, não sabe o que quer ser ou o que é.

    ResponderExcluir
  3. "A somatória de riscos Petrobras/BNDES ascende a R$ 1,3 trilhões, ou equivalente a 25% do PIB brasileiro."

    Puxa vida, é mesmo muito dinheiro para que a bukgara e o benqueiro levy brinquem com este assunto tão sério.
    Só não é sério para a merda dos militares pois pontualmente a grana que ele não merecem é lhes depositada na conta bancária.

    ResponderExcluir
  4. Acautelai-vos Fundos de Pensão de estatais / economia mista.

    ResponderExcluir
  5. A agência de classificação de risco Moody’s rebaixou todas as notas de crédito da Petrobras, que passou a ter grau especulativo.

    A medida significa que as ações da estatal não são mais consideradas um investimento seguro para os investidores.

    ResponderExcluir
  6. Simples eles vão usar todo o dinheiro da PETROS e o funcionários tipo sócios vão ficar na merda como aconteceu na VARIG !

    ResponderExcluir
  7. Pena que o antigo país chamado Brasil,em si mesmo,já é um mico.
    Mais uma colônia russo-bolivariana,criada há mais de uma década.
    Paisinho sem rumo,sem futuro e sem recuperação,como nação.
    Quem puder vá embora daqui ou se corrompa com o sistema aí colocado.

    ResponderExcluir
  8. "Governo Dilma, sem vergonha, assume formalmente a defesa das empreiteiras que roubaram a Petrobrás para o PT

    (...)

    . O governo assumiu a defesa das empreiteiras que assaltaram os cofres da Petrobrás para desviar dinheiro para o PT e seus aliados.,

    Por vias transversas, a ação visa salvar Lula e Dilma.

    (...)"

    http://polibiobraga.blogspot.com.br/2015/02/governo-dilma-sem-vergonha-assume.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed:+JornalistaPolibioBraga+(Jornalista+Polibio+Braga)

    ResponderExcluir
  9. "A Petrobras e a intelectualidade corrupta

    Escrito por José Carlos Sepúlveda da Fonseca | 25 Fevereiro 2015
    Artigos - Governo do PT

    Um manifesto assinado por expoentes da assim chamada ”intelectualidade brasileira”, como Fábio Konder Comparato, Marilena Chauí, Cândido Mendes, Celso Amorim, João Pedro Stédile, Leonardo Boff e Maria da Conceição Tavares (e haja fôlego!), denuncia a Operação Lava Jato como tentativa de destruição da Petrobras, de seus fornecedores e de mudança do modelo que rege a exploração de petróleo no Brasil.

    Vejam bem, segundo estes senhores, a destruição da Petrobras vem da apuração dos crimes feitos pela Justiça e pela Polícia Federal; não provém dos próprios crimes praticados pela máfia petista encastelada na máquina pública.

    Conspiração
    O texto do dito manifesto aponta ainda uma “conspiração” para desestabilizar o governo; as investigações, segundo esses “expoentes intelectuais”, atropelam o Estado de Direito.

    Chamo de novo a atenção: não são os crimes cometidos pela máquina corrupta do Partido dos Trabalhadores para consumar seu projeto de poder anti-democrático – e reduzidos por estes luminares a simples “malfeitos” – os que abalam o Estado de Direito; o que abala o Estado de Direito é a ação da Polícia e da Justiça, transformada numa “conspiração para desestabilizar o governo”.

    (...)"

    http://www.midiasemmascara.org/artigos/governo-do-pt/15686-a-petrobras-e-a-intelectualidade-corrupta.html

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.