Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 30 de abril de 2016

Meirelles é a favor da CPMF


A grande imprensa já dá como certa a indicação do banqueiro Henrique Meirelles para ministro da Fazenda do provável presidente Michel Temer. Há consenso no mercado de que o nome do Henrique Meirelles é um bom nome, sobretudo para recuperar a credibilidade do País no mercado financeiro internacional. Eu já postei matéria sobre o Henrique Meirelles contra a indicação do nome dele frente a pasta mais importante do governo Temer.

Tem um ditado popular que diz que "o hábito faz monge". O significado desse ditado é que o monge usa "hábito", uma espécie de batina dos padres católicos. O "hábito" impõe a pessoa que usa, que tenha uma vida cheia de regras e disciplina de acordo com a função que exerce. Pois, o Henrique Meirelles usa "o hábito de monge". Ele foi banqueiro, foi presidente do Banco Central do Brasil e continuou banqueiro após deixar o governo Lula da Silva. O "hábito" dele é de banqueiro.

Para desenhar próximos passos do banqueiro Henrique Meirelles frente ao Ministério da Fazenda é só analisar que "hábito" ele usou na sua vida profissional. Henrique Meirelles foi presidente do Bank of Boston antes de assumir presidência do Banco Central do Brasil do governo Lula da Silva. Meirelles, após deixar o governo Lula da Silva, e após a "quarentena", foi estruturar o Banco Original do grupo JBS/ Friboi. 

Só para entender melhor o desenho do "hábito" do banqueiro Henrique Meirelles, vamos apenas lembrar que no governo Lula da Silva, o grupo JBS/ Friboi que é de Goiás também, foi o maior beneficiário individual de financiamentos altamente subsidiados, dos bancos oficiais, como BNDES, CEF e BB. Henrique Meirelles tem uma relação "incestuosa" com o grupo JBS/ Friboi, condição que o "engraxate" do Bovespa sabe. "Engraxate" é a boca do povo da Bovespa.

Foi no governo Lula da Silva para o qual serviu que Henrique Meirelles, o Tesouro Nacional transferiu para o BNDES R$ 461 bilhões para serem utilizados para promover o maior subsídio do governo federal, 70% dos recursos para os amigos do Palácio do Planalto. Só para ter ideia enquanto a taxa de juros Selic está em  14,25%, o PSI transferiu para empresários, amigos do Palácio do Planalto, entre eles os Batistas do JBS/ Friboi, juros subsidiados a 3,5%. Sim, falei do "hábito do monge". O Meirelles é "favor do subsídio do governo" para poucas empresas amigos do Palácio do Planalto. Isto é combatido frontalmente na minha matriz econômica .

É creditado ao Meirelles a reserva cambial de cerca de US$ 370 bilhões. Isto é certo! É certo também que uma parte substancial, cerca de US$ 100 bilhões, é decorrente do investimento especulativo do capital estrangeiro para financiar a dívida pública interna do governo federal. Vamos esclarecer também que, enquanto o Tesouro Nacional paga 4% de juros reais nos seus títulos de dívida interna, a reserva cambial é aplicada a juros de 0,5% em títulos do Tesouro americano. É como um cidadão comum, para garantir a dívida no banco, fazer saldo médio a juros bem menor do que ele paga. Isto é "hábito" do Meirelles.

Sob gestão do Henrique Meirelles que o Banco Central promoveu maior "valorização do real", dificultando a competição dos produtos brasileiro no exterior e facilitando a entrada dos produtos importados. O setor industrial, na gestão do Meirelles no Banco Central, o setor industrial do Brasil que a participação do setor industrial no PIB era de 26%, entregou o governo com o setor industrial participando em menos de 13% do PIB. Com a valorização do real, Meirelles, desmantelou a indústria brasileira. Isto é "hábito" do Meirelles.

Foi na gestão do Meirelles frente ao Banco Central que o governo Lula da Silva, promoveu a "sensação de bem estar" e a "sensação do poder de compra" da população, para o Lula da Silva, ganhar a popularidade. A crise econômica que o País passa hoje, tem muito a ver com a falsa "sensação de bem estar" do governo Lula da Silva. Governo Dilma paga ou pagou o preço do "almoço grátis" do Lula da Silva e enfrenta a pior crise econômica da história recente do Brasil. 

Não há "almoço grátis" em lugar nenhum. Pois, o Meirelles é o mentor e executor da falsa "sensação de bem estar" da população. Vamos repetir, é "hábito" do Meirelles, a política populista em detrimento ao setor produtivo. Isto é fato!

Vamos lembrar, também, que na gestão do banqueiro Henrique Meirelles  que o setor bancário teve lucros tão altos. Alexandre Tombini, presidente do Banco Central da Dilma, veste o mesmo "hábito" do Meirelles. E só lembrar que o Meirelles usa o "hábito" do banqueiro. E não venham com a história de que estou desconstruindo o futuro governo Temer.

Eu estou torcendo que Temer acerte na gestão econômica para o bem da população brasileira, na qual me incluo. Há alternativas pragmáticas viáveis para o desenvolvimento sustentável do País. A proposta está explicitada no meu e-book Brasil tem futuro? <~ clique aqui . 

Basta ter vontade para livrar das sucessivas crises econômicas e colocar o Brasil na trilha do crescimento sustentável. O País tem todas condições para almejar uma das potências econômicas do mundo. 

Não se iludam, o Meirelles do Temer é o mesmo Meirelles do Lula da Silva, "o hábito faz monge".  Pelo ajuste fiscal, Meirelles deve propor recriação da CPMF, no eventual governo Temer. Se Meirelles pensa o contrário, quero vê-lo afirmando publicamente de que não haverá CPMF no governo Temer.

Conheça uma nova matriz econômica > Brasil tem futuro? 

Preciso desenhar?

Ossami Sakamori














15 comentários:

  1. Quem não tem o habito de beneficiar aqueles que estão no comando do poder, não é convidado para ocupar cargo em governo nenhum. Por isso, só os mesmos cupinchas são lembrados. Meirelles beneficiou a JBS/Friboi informa Sakamori. Leiam.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns, Professor, pelo Artigo tão esclarecedor quanto nos alerta para o que há de vir!!!

    Gostaria que muitos, milhares, tivessem a boa vontade para ler e conhecer vossas teses!!!

    É chegada a hora de abrir os olhos e, sem as ilusões que enganam os sentidos e as mentes, saber que os caminhos escolhidos para tirar o País do atoleiro no mar de lama que o PT está legando à Nação, poderão, sem sombra de dúvidas, gerar novos 'monstros' do consumismo e da sensação de quimera do 'bem-estar' que levarão novamente, nossa População brasileira ao engodo. Isto é deveras, preocupante!!!

    Aguardemos em Deus! Pois, dos homens públicos, ainda não sabemos o quê esperar...
    Sucessos querido Professor!!
    Paz e todo o bem!!

    ResponderExcluir
  3. TEXTO MUITO ELUCIDATIVO!
    ADORAREI ACOMPANHAR SUAS TESES!
    ME ENVIE SEMPRE PROF. OSSAMI SAKAMORI!
    GRATIDÃO!

    ResponderExcluir
  4. Alguém tem que pressionar para que não hajam novos impostos nessa nova administração. O povo não aguenta mais. Cadê os bilhões desviados e denunciados? Desviar dinheiro do povo e mandar a conta para o mesmo povo é fácil e até eu, que sou burro, sei fazer. Vai mudar o quê para o povo?

    ResponderExcluir
  5. Temer, essa mosquinha morta também usa o "hábito" do banqueiro e Meirelles é um terrorista de estado que luta contra a recuperação da nossa economia.
    Tem um nome muito bom para ministro da defesa e que nem gosta nada dos marxistas do PC do B que se instalaram com armas e bagagens nesse ministério, onde dominam tudo! Claro que e os militares até gostam dele, estou falando do deputado Raul Jungmann para o ministério da Defesa.

    ResponderExcluir
  6. temer está fazendo uma guerra assimétrica contra o povo brasileiro ao escolher ministros de confiança de lula.
    E o povo nem o elegeu!

    ResponderExcluir
  7. Michel Temer ajudou Dilma a afundar o Brasil. A raiva da Dilma a Temer é porque ela levou um chute de quem sempre trabalhou junto e agora ela é a bandida(Dilma) e ele é o mocinho(Temer). Detesto os dois.
    Henrique Meirelles é banqueiro e vai trabalhar para os bancos e amigos. Nós, o povo, estaremos fora do seu grupo. Estaremos, sim, pagando impostos e gerando lucros para eles.

    ResponderExcluir
  8. E Temer foi acusado de corrupção. Vai afundar de vez o Brasil com Meirelles.

    ResponderExcluir
  9. Nação continental com 204 milhões de habitantes governada por políticos intelectualmente pequeninos, pequeninos, mais pequenos que um micróbio.
    Só pensam em governarem-se bem, muito bem mesmo, jamais em governar com um mínimo de honestidade, dignidade e competência.
    Não merecíamos esta triste sina.

    ResponderExcluir
  10. "Renan: até quando vai a palhaçada?

    O novo inquérito contra Rena Calheiros é o 12º aberto no STF. Nove são da Lava Jato.

    E nenhum foi adiante até agora.

    Até quando vai a palhaçada?"

    http://www.oantagonista.com/posts/renan-ate-quando-vai-a-palhacada

    ResponderExcluir
  11. Temoer a proteger a dilma. Vergonha! Falso como Judas.

    "Aceleração do impeachment: "Ninguém falou comigo"


    "A articulação por parte de peemedebistas para encurtar o recesso parlamentar em julho irritou o vice-presidente Michel Temer, que não deu aval para que seus aliados ponham o plano em prática...

    'Ninguém falou desse assunto comigo. O Henrique Meirelles me disse ontem que tem gente falando demais, e ele tem razão', reclamou o vice-presidente com um interlocutor próximo."

    O Antagonista reforça que é preciso acelerar."

    http://www.oantagonista.com/posts/aceleracao-do-impeachment-ninguem-falou-comigo

    ResponderExcluir
  12. Esses terremotos do Japão deveriam acontecer no Planalto. Ñ deveria salvar nenhum dos bandidos que roubam o País. É tão vergonhoso o que estamos passando, quando os Três Poderes se unem para encher os bolsos e lesar o povo. Gostaria muitíssimo que o Meireles fosse para Cuba, porque qualquer pessoa que teve relacionamento com o Lula e afundou o Brasil ñ deveria nem ser cogitado. Esse Temer ñ passa de um aproveitador como todo Pemedebista. CPMF, grande safado.

    ResponderExcluir
  13. Esses terremotos do Japão deveriam acontecer no Planalto. Ñ deveria salvar nenhum dos bandidos que roubam o País. É tão vergonhoso o que estamos passando, quando os Três Poderes se unem para encher os bolsos e lesar o povo. Gostaria muitíssimo que o Meireles fosse para Cuba, porque qualquer pessoa que teve relacionamento com o Lula e afundou o Brasil ñ deveria nem ser cogitado. Esse Temer ñ passa de um aproveitador como todo Pemedebista. CPMF, grande safado.

    ResponderExcluir
  14. Chega dos mesmos...Isto só confirma que fixará tudo como esta. Meirelles.Trombinni....interesses conflitantes com estado...só falta o Scaf nesta lista.

    ResponderExcluir
  15. Chega dos mesmos...Isto só confirma que fixará tudo como esta. Meirelles.Trombinni....interesses conflitantes com estado...só falta o Scaf nesta lista.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.