Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 7 de abril de 2012

POR QUE LULA X FHC? PARA MIM, DILMA.

Esta matéria é a 60ª desde que comecei escrever neste espaço, cedido pelo servidor Google. Tenho postado minha opinião, independente das pressões políticas e econômicas. Tenho sido contundente nas minhas posições. Sou crítico em relação à postura da política econômica do governo Dilma e muitas vezes contrária à postura pessoal da presidente em determinadas situações. Talvez, por ser crítico à posição da presidente, logo pensam que sou a favor do governo X ou contra o governo Y. Não sou. Sou apenas, à favor do Brasil Melhor e à favor do desenvolvimento sustentável do país.

Dos governos recentes, acho mérito nos governos Itamar e FHC, sobretudo pela implantação do Plano Real e pela impementação da Lei de Responsabilidade Fiscal.  Creio também que o mérito do governo Lula foi o fato de ter mantido o Plano Real, seguindo cartilha ortodoxa do Henrique Meirelles.  Procuro ficar à margem de discussão de quem privatizou a mais ou de quem fez concessões a menos.  Ou também, quem roubou mais ou quem roubou menos. Lula saiu do movimento sindical e o FHC foi um dos apoiadores do Lula de então, sindicalista.  Quero crer, que eles próprios, estariam lutando pela causa do povo brasileiro.  O FHC ficou marcado como presidente privatista e Lula como autor intelctual do mensalão.  Tudo isso para mim é discussão bizantina. Tudo é passado.  Apenas servem como referência para o futuro.

Agora, o futuro do Brasil pertence à presidente Dilma, eleita pela maioria da população brasileira. Institucionalmente, ela é presidente de todos os brasileiros, inclusive deste que aqui escreve.  É por esse motivo, que aqui cobro postura e atitude da presidente Dilma, porque é da atitude e da postura dela que depende o futuro do país. Enfim, a Dilma é responsável pelo ambiente social e econômico que eu, meus filhos e meus netos viveremos.  Não está aqui em discussão se FHC fez ou não fez melhor governo que Lula. Estou a falar e cobrar da atual presidente Dilma Rousseff, eleita pelo povo brasileiro pelo sufrágio universal do voto.


Muitos comentários sobre as minhas matérias postadas aqui no blog, querem fazer comparações dos governos FHC e Lula. Para mim, discussão de que o Lula teria recebido herança maldita ou bendita ou mesmo que a Dilma tenha recebido herança bendita ou não, é uma discussão bizantina, como disse anteriormente.  Independente da herança que tenha recebido a presidente Dilma em 1ª de janeiro de 2011, é obrigação da presidente governar o país no rumo correto. Fazer as devidas correções e estabelecer planos e metas para o período governamental que iniciou-se há mais 1 ano e 3 meses é mais que um dever, mas é uma obrigação constitucional da Dilma Rousseff, atual presidente da República Federativa do Brasil. 


Ossami Sakamori, 67, engenheiro civil, foi professora da UFPR, cidadão brasileiro.
Atende pela rede twitter: @sakamori10

2 comentários:

  1. Correto, coerente e notadamente prático a matéria publicada. Não adianta remoer o passado, a história vai se encarregar disso. Agora é analisarmos, cobrarmos da presidente Dilma. Os políticos do Brasil têm a péssima mania de achar que chegando ao poder eles são como uma espécie de patrão do povo, a verdade é que é o contrário, nós é que os elegemos, eles é que são nossos empregados, e devem ser cobrados até a exaustão para que trabalhem em prol de um Brasil melhor. Parabéns, Saka! Brilhante, como é de costume.

    ResponderExcluir
  2. Caro Ossami tenho repetidamente feito uma comparação entre os três FHC, Lula e Dilma, FHC governou no momento que era necessario AUSTERIDADE FISCAL, e ele tomou varias medidas que beneficiam o país nos gov seguintes não só essas que você citou aqui.O decreto de 97 que quebrou o monopólio da Petrobrás, A redação de empresa nacional e empresa estrangeira etc. Foi melhor aquele que privatizou mais somado a medidas estruturais tomadas. Lula e Dilma conseguem serem gerentes, não cria, não reforma, etc.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.