Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 15 de dezembro de 2012

LULA 2014.


Isto mesmo que você leu.  Lula será candidato em 2014.  Não foi o que ele disse, mas é o que estou a dizer.  Ao contrário do que muitos estão falando, ele não será candidato ao governador do estado de São Paulo, mas sim, à presidência de República contrariando à expectativa de muitos.  

Para projeto político do presidente Lula, a Dilma está fazendo o papel de mandato tampão ao presidente Lula.  Politicamente, o Partido dos Trabalhadores está fazendo água, sob o "comando" da presidente Dilma.  Não conseguiu segurar o mensalão, nem tão pouco conseguiu manobrar adequadamente a CPMI do Cachoeira, como queria Lula que fosse conduzido.  O tiro acabou saindo pela culatra para o Partido dos Trabalhadores em ambos os casos.   Lula quer mudar o PT, agora, sem o José Dirceu no comando efetivo do Partido, por conta do julgamento do mensalão.

Por falta de pulso da presidente Dilma, os inquéritos sobre ele, Lula, estão à pipocar nos quatro cantos do País.  Na condição atual, ele não tem foro privilegiado, pois não tem mandato nem parlamentar ou cargo no poder executivo.  Lula sabe, mais do que todos, que o prosseguimento das investigações poderão desaguar na sua condenação, cedo ou tarde.  Sendo julgado pelo magistrado de primeira instância, raciocina ele, poderá ser a condenação.

Candidatar-se ao cargo de governador do estado de São Paulo, corre o risco de não se eleger, além do fato de não obter foro privilegiado sobre fatos acontecidos em Brasília, por exemplo.  Cargo parlamentar ele não quer, isto já foi demonstrado no único mandato que ele exerceu, como constituinte.  Ele não é bom tribuno.  O discurso dele não empolga as pessoas mais cultas.  Ele sabe mesmo é mexer com o povão, sem querer desmerecer a classe mais pobre da população. Discurso dele empolga a massa.  Há de convir que neste aspecto, não apareceu ainda, algum político com a mesma qualificação.  Estou a dizer, qualificação no sentido de mexer com a massa. Não estou a afirmar quanto à qualidade do discurso.

O projeto de se candidatar à presidência da República, ele deve ter avaliado, nas suas viagens pelo mundo como "ex-presidente" da República.  As coisas não funcionam como ele imaginava, creio eu.  O Lula foi festejado pelo mundo todo, no exercício da presidência da República, não pelas suas qualidades pessoais, porque neste item ele é um zero à esquerda.  O prestígio do Lula deveu-se porque ele foi presidente da República Federativa do Brasil.  O Brasil é um País gigante em extensão territorial e em população.  O País abriga a Amazônia e é maior celeiro do mundo, atrás apenas dos EEUU.  Faz parte do bloco informal BRICS e é candidato a ser o 5º PIB do mundo.  Dentro do contexto, o Lula pessoa física é pequeno sem o cargo máximo do executivo brasileiro.

Um dos objetivos de galgar o posto de presidente é se desvincilhar de diversos inquéritos em que nome dele aparece como beneficiário do esquema, com o foro privilegiado no STF.  Outro principal motivo, nem bem é sobre blindagem nos inquéritos em andamento, mas sim pela perda de prestígio em continuar a promover o loby em beneficio próprio.  Sem o mandato de presidente, poderá até o projeto de minas do Simandou em Guiné fazer água.  Ele, Lula, ressente a falta de poder político, no plano internacional, para consolidar o seu projeto econômico pessoal.  

Na minha avaliação, Lula será candidato à presidência em 2014, sem menor chance de erro. Espero que o povo faça a avaliação correta, não elegendo um verdadeiro chefe da quadrilha. 

Ossami Sakamori, 68, engenheiro civil, foi professor da UFPR, filiado ao PDT.  E-mail: sakamori10@gmail.com

5 comentários:

  1. ESSE LULA É O MAIOR LOBO EM PELE DE CORDEIRO . INDÔLE DE BANDIDO

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Sakamori! Pode até ser que Lula (caso não for investigado e condenado) tente novamente a Presidência da República, porém, creio que o povão, a classe que todos pensam ser a menos culta e inteligente, não cometerá o mesmo erro, pois todos, sem exceção, assistiram ao espetáculo sórdido e vergonhoso do Mensalão, onde tantos políticos e administrativos do PT foram condenados, sendo que tudo isso aconteceu durante o governo de Lula. Ele que se aguente e permaneça na sua insignificância. Quanto à Dilma, penso que o governo dela está indo bem, e, por mais que os dois sejam amigos, ela ainda é fiel à ética. Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Bom dia, eu tb acho q ele será candidato, pq a propaganda deles é bem feita, só a propaganda, a Dilma demitiu vários ministros, mas ñ mandou investigar nada, A aprovação record é uma falácia pq 78% dos entrevistados dizem q a saúde está ruim, a educação e segurança, estão próximos disto, ela é aprovada pela propaganda, onde estão as 6.000 creches? Agora disse q vai construir 800 aeroportos, mas não tem dinheiro p/ reformar os atuais! Ela é igual ao criador dela, falsa, mentirosa e mal intencionada!

    ResponderExcluir
  4. Parabéns! Raciocínio lógico, embasado em fatos concretos. E quer saber? Pela total apatia e falta de nomes na oposição, estou certo que ele consegue seus intentos. Em dois anos não se forma alguém do seu quilate perante as massas,....de forma que essa estratégia tem grandes chances de dar certo!

    ResponderExcluir
  5. Sakamori, se o q vc falou for verdade, vai ser mais um tiro no pé porque o povo não gosta de traição. Dilma seria a candidata natural do PT e tem um bom índice de popularidade. E se o maçarico encostar em Lula, será impeachman na certa.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.