Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 5 de maio de 2018

Luana Piovani e Lula da Silva.

Crédito da imagem: Estadão

Com prisão do Lula em razão da condenação no caso conhecido como Triplex pelo juiz Sérgio Moro e confirmada a sentença pelo TRF4 tem provocado algumas situações que merece um breve comentário.  Nada que seja importante, mas como matéria de fim de semana, chega a ser, no mínimo, pitoresco.  A presença da atriz global fez notícia nessa sexta-feira. 

No dia de ontem, o delegado da Polícia Federal Gastão Schefer Neto atacou e destruiu os equipamentos de som do acampamento Lula Livre, localizado na proximidade do prédio da Polícia Federal, onde está preso o ex-presidente Lula da Silva. O som de alto falante, intermitente, deve incomodar os servidores da Polícia Federal, cuja sede está localizado na proximidade do acampamento dos movimento sociais patrocinados pelo PT. A assessoria da Polícia Federal, segundo Estadão, informa que o ocorrido está sendo acompanhado pelo delegado da Polícia Civil de Curitiba. 

Crédito de imagem: Gazeta do Povo

Outro fato que marcou o dia de ontem, registrada pela imprensa local, é a presença da atriz Lula Piovani, na entrada da sede da Polícia Federal de Curitiba, para levar uma maçã, que acabou deixando na calçada. Disse a atriz: "Jurei que quando o Lula fosse preso eu ia vir até a delegacia que ele estava e ia dar uma maçã pra ele. Pode parecer besteira, mas eu tô envolvida com isso há três anos, e só eu sei quantos posts eu fiz, quantos jornais eu li, quanto eu estudei, e quantas noites mal dormidas eu tive por conta de tudo que tá acontecendo com o nosso País. Mas eu tenho esperança, porque eu tô vendo um trabalho bonito ser feito. Então tá aqui sua maçã", disse, em vídeo." Em seguida, a atriz voltou ao carro que a conduziu até a sede da Polícia Federal de Curitiba, no bairro de Santa Cândida.

Quanto mais o PT quer mostrar o apoio ao ex-presidente Lula, as manifestações dos simpatizantes estão caindo no vazio. Isto não está mais dando IBOPE.  É bom lembar que a população de Curitiba, marcada pelos descendentes de imigrantes europeus, é pacata, não servindo para manifestações políticas, nem pró, nem contra. Os acampados são em sua maioria de fora de Curitiba, vindo com promessa de uma diária em dinheiro e livre das marmitas.  Curitibano que é curitibano se dedica às suas atividades cotidianas, ignorando até a presença do Lula na carceragem da Polícia Federal de Curitiba. 

Para este blog que, ultimamente, tem se dedicado aos assuntos ásperos de economia e ascos da política, fazer  um "pit spot" num fim de semana, faz bem para a saúde e humor de todos que nos seguem. Luana Piovani leva maçã cumprindo a promessa pela prisão do Lula.

Ossami Sakamori

Compartilhe a matéria nas redes sociais:

3 comentários:

  1. Excelente materia..Curitibanos sao kindos na sua essencia ,educados e trabalhadores.Acho uma falta de respeito aos moradores manter esse lixo na @PF ate pq o mesmo nao possui nivel superior e isso independe do cargo letivo ocupado.Parabenizo a atriz por seu ato , lula morreu do proprio veneno.bom dia mestre.#juntos somos mais fortes!!!

    ResponderExcluir
  2. Apesar de se tratar de uma imbecil, tem todo o direito de se expressar, sem que alguém que pense diferente, lhe dê um tiro. Isso é democracia, e que muitos não sabem seu significado. Infelizmente.

    ResponderExcluir
  3. Li e reli e, novamente, reli. Mas, sinceramente, ñ consegui entender se a "global" é mulista ou estava tripudiando sobre o escroque.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.