Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 16 de junho de 2016

Brasil virou piada de mau gosto!

Crédito da imagem: O Globo

Se o ministro Teori Zavascki, encarregado da Operação Lava Jato no STF, não toma atitude, os juízes da "República de Curitiba", põe ordem na casa. Refiro-me ao juiz Sérgio Moro e ao juiz Augusto Cesar Pansini Gonçalves da Justiça Federal. 

A atuação do ministro Teori Zavascki do STF é seletivo. Ao mesmo tempo que mandou prender o ex-senador Delcídio Amaral por tentativa de obstrução da Justiça, ele é leniente com o Lula da Silva pelo mesmo crime cometido. O ministro Zavaski não teve coragem suficiente para mandar prender o presidente do Senado Renan Calheiros, senador Romero Jucá e José Sarney, atendendo ao pedido da Procuradoria Geral da República.  

Em todas atitudes que o ministro Teori Zavascki toma devem ter os fundamentos jurídicos convenientes. No entanto, no entender da população, o ministro Teori Zavascki toma atitudes conflitantes, favorecendo uns e penalizando outros. Teori Zavascki não teve coragem de indiciar Lula da Silva e Dilma pela tentativa de obstrução da Justiça.

Contrapondo a atitude do ministro Teori Zavascki, os juízes da República de Curitiba, vem tomando atitudes inimagináveis para juiz de primeira instância, enfrentando os poderosos do crime de colarinho branco praticado pelos empreiteiros e parlamentares. 

Nessa terça feira, dia 14, o juiz Augusto Cesar Pansini Gonçalves, da 6ª Vara Cível da Justiça Federa de Curitiba, decretou a indisponibilidade de recursos financeiros e bens do deputado Eduardo Cunha, acatando o pedido do Ministério Público Federal de Curitiba, numa ação de improbidade administrativa contra Cunha e mais 4 pessoas.

Se os brasileiros querem passar o País a limpo, creio que poderia mudar, temporalmente, o capital da República Federativa do Brasil para "República de Curitiba". 

Eu não aguento mais ficar postando, as infindáveis "chicanas" e "leniências seletivas". Isto está mais para "república de banana" ou uma "republiqueta de quinta categoria" do continente africano.  Brasil se tornou "a piada" da vez. Brasil é conhecido como País que carece de administradores públicos probos e competentes. Brasil é paraíso dos ladrões de cofres públicos. Infelizmente, alguns membros do STF, estão denegrindo imagem do País, dentro e fora dos limites do seu território, escolhendo a dedo quem vai para cadeia e quem não vai.

Clique e leia ~>  Matriz econômica liberal 

Brasil virou piada de mau gosto!

Ossami Sakamori













5 comentários:

  1. O Santo, o Deus dos corruptos, o capo dos capos dos corruptos no Brasil.
    Só pode ser tão corrupto como os corruptos.
    E defendendo lula, só prova que é tão corrupto quanto ele.

    ResponderExcluir
  2. Outro ministro do STF, neste caso uma ministra, a Rosa Weber tinha dado a dilma um prazo de 15 dias para dilma justificasse por que dizia que tinha sofrido um "golpe". Ela recusou e a ministra simplesmente arquivou o processo.
    Tanta covardia, tanto compadrio, tanta falta de vergonha num STF que nem deveria existir poia não é um orgão judicial mas poli
    ítico.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A isso tudo dou o nome de RABO PRESO por dinheiro e favores. Todos estão com os rabinhos presos e "jogam para a galera" mas não fazem nada na verdade. É uma vergonha,um nojo !!! PRA MIM JÁ DEU !!!!

      Excluir
  3. Melhor pedir concordata

    ResponderExcluir
  4. LEIAM E REFLITAM:
    “O governo penalizou programas sociais e priorizou empréstimos externos. No total, foram R$ 50, 5 bilhões em empréstimos do BNDES para fazer caixa 2 de campanha. Isso revolta. É dinheiro mais que suficiente para suprir programas, como Minha Casa, Minha Vida, Pronatec a e construção de creches deixados de lado, enquanto os governos amigos eram beneficiados”, disse o senador.
    O parlamentar relatou os valores dos empréstimos concedidos pelo governo Dilma aos governos parceiros: R$ 14 bilhões para Angola; R$ 11 bilhões para Venezuela; R$ 8 bilhões para República Dominicana; R$ 7,8 bilhões para Argentina; R$ 3 bilhões para Cuba; R$ 2 bilhões para o Peru; R$ 1,5 bilhão para Moçambique; R$ 980 milhões para Guatemala; R$ 795 milhões para o Equador; R$ 755 para Gana; R$ 507 milhões para Honduras e R$ 155 milhões para Costa Rica.
    BNDES, contingenciamento, Educação, empréstimos, govenrosamigos, Impeachment Brasil, Senado Federal

    Link:
    http://www.ronaldocaiado.com.br/2016/06/governo-dilma-penalizou-area-social-enquanto-concedeu-r-505-bi-em-emprestimos-para-governo-amigos-afirmou-caiado/

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.