Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Renato Duque, o algoz do José Dirceu

Crédito da imagem: Isto é

No meio do lamaçal da Operação Lava Jato, após a prisão do José Dirceu, não só os políticos do PT, mas também a própria população perderam a noção dos próximos passos da Operação Lava Jato, levado à termo pelo juiz Sérgio Moro da Justiça Federal de Curitiba. 

O desânimo que tomou conta do PT e seus aliados, tem um motivo: Renato Duque. Justifica-se, o ex-diretor de Serviços da Petrobras foi indicado por José Dirceu quando este era Presidente do Conselho de Administração da Petrobras, na condição de ministro chefe da Casa Civil do governo Lula da Silva. 

Segundo os investigadores da Polícia Federal e do Ministério Público Federal, José Dirceu nomeou o Renato Duque com a intenção de se servir dele como o seu contato dentro da Companhia, mesmo após ter saído da administração do governo Lula da Silva e da Dilma Rousseff. Renato Duque era seu lugar tenente dentro da Petrobras.

Renato Duque está preso desde março em Curitiba, mas só semana passada é que aceitou fazer delação premiada e falar tudo que sabe aos procuradores. Segundo "O Globo" de ontem, a missão do Renato Duque é entregar "nomes de pessoas com foro privilegiado", quais sejam, membros do Congresso Nacional e de ministros do governo Dilma. Não se sabe, se o Renato Duque vai revelar a ligação das propinas da Petrobras com a campanha presidencial da Dilma em 2014. Isto é que temem a alta cúpula do PT. 

Os parlamentares do PT e de aliados políticos estão muito preocupados, pela tese do procurador de que o "petrolão" é uma continuação do "mensalão", para favorecer os governos do PT, Lula da Silva e Dilma Rousseff. Preocupação que aumentou com a notícia de delação premiada do Renato Duque. A presidente Dilma Rousseff e o próprio PT, não dormem mais depois do anúncio da delação premiado do Renato Duque. Renato Duque, provocará o mesmo efeito das declarações do ex-deputado no processo do "mensalão" , o Roberto Jefferson.


Renato Duque vai entregar o seu chefe José Dirceu. Ao envolver o José Dirceu a Operação Lava Jato vai bater às portas do Palácio do Planalto. 

Ossami Sakamori












7 comentários:

  1. Como sempre você Sakamori á frente. Muito bem, se o depoimento "Delação Premiada" de RENATO DUQUE tiver o efeito que as denúncias do Roberto Jefferson causou não só baterá no Planalto como no Presidente de honra do PT Lula.
    Pra isso ele tem que ser macho, ser determinado, cumprir o acordo de falar apenas a verdade.
    Assim sendo, é preparar os fogos que a festa da vitória e libertação da Nação Brasil já pode começar. Não existe crime nem roubo perfeito, e é justo que o Chefe seja entregue e Moro faça cumprir as leis, deixando claro que neste país a época da Impunidade acabou.
    Não importa nomes, partidos nem cargos: TODO LADRÃO TEM QUE IR PRA CADEIA. É O MEU SINCERO PENSAMENTO.
    POR CIDA LEMOSPE

    ResponderExcluir
  2. Caro Osami Sakamori,

    Se for confirmada a delação de Renato Duque, a casa cai.
    Vão chover gatos e cachorros.
    Teremos capítulos importantíssimos a frente nessa eletrizante novela Lava-Jato.

    Adaí Rosembak

    ResponderExcluir
  3. Alto executivo, homens importantes, políticos bem votados, figuras carimbadas da política nacional, todos se renderam as propinas, será que existe políticos incorrompiveis?

    ResponderExcluir
  4. Tudo muito bom e bonito não fosse a blindagem demoníaca que os corruptos que mandam no Brasil têm entre si.Ninguém cai,tendo as bênçãos (ou maldições) dos larápios de plantão,que reinam eternos no Palácio do Planalto(e fora dele,mandando quem lá está fazer o que querem).Nada vai mudar a tradição de corrupção de 500 anos,o que é uma pena.

    ResponderExcluir
  5. O prédio(Brasil) está tão infestado de cupim que só não caiu ainda porque os moradores,que não tem para onde ir(população), insistem em ficar morando assim mesmo. O síndico(Presidente) não resolve nada e não dá o lugar para outro, apenas cobra as taxas de condomínio(impostos) e paga para uma empresa corrupta amiga para reformar o prédio, tirando antes seu "pixuleco".

    ResponderExcluir
  6. "Eu sou velhinho!".
    Pois é, como você e milhões de outros, também somos, mas com a singela diferença que vivemos com uma miserável aposentadoria e nunca andamos metidos em esquemas de corrupção nem bebiamos garrafas de vinho a 8 mil reais.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.