Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

terça-feira, 4 de agosto de 2015

O dólar vai bater nos R$ 4,00 !


Defender a alta do dólar é ir contra a opinião pública. No entanto, venho chamando atenção sobre a "desvalorização" dólar que é mesmo que "valorização" do real e suas consequências, desde o início deste blog há mais de 3 anos e meio. A inflação vem corroendo a moeda brasileira. Isto é fato!

A "desvalorização" do dólar ou "valorização" do real nos últimos anos, produziu, artificialmente, a "sensação de bem estar" e a "sensação do poder de compra" da população. Isto fez parte do projeto do Lula da Silva e da Dilma, para manterem-se com popularidade nestes 13 anos no poder. Infelizmente, não há almoço grátis, a conta chegou para pagar. 

A política econômica equivocada de controle da moeda e dos preços administrados, está quase levando o País à falência. Estamos a duras penas, tentando, consertar os erros passados, denominado pela própria Dilma de "medidas anticíclicas" que esteve em vigor nos dois mandatos do Lula da Silva e no primeiro mandato da Dilma. O preço que estamos a pagar está sendo muito alto. Há retração da economia e desemprego em massa. 

Com a crise política e econômica que o País experimenta somado ao menor crescimento da China nos últimos 3 anos, o Brasil está a sofrer consequências nefastas. Hoje, a China compra menos grãos e menos minérios, não só do Brasil mas do mercado global. Em decorrência, o preço dos commodities está em queda no mercado internacional. Isto tem anulado o efeito da "valorização" do dólar ou  da "desvalorização" do real. 

Diante dos fatos narrados acima, a tendência da cotação do dólar é de alta. Se não houver intervenção do Banco Central, podemos dizer que a tendência do dólar é de alta até o patamar estipulado aqui. No meu entender, o ponto de equilíbrio da cotação do dólar, corrigindo os efeitos da inflação brasileira e da americana, no período do Plano Real, o patamar de equilíbrio do dólar está em R$ 4,00.

Para comparar a evolução do valor relativo do real, segue dados comparativos, dos últimos 20 anos:

Em 1994 para comprar US$ 1.00 precisava de R$ 1,00
Em 2015 para comprar US$ 1.00 precisará de  R$ 4,00

Esta desvalorização do real, representa a incompetência do Banco Central em administrar a moeda brasileira. O fato é que a inflação fez com que o real perdesse 75% do valor em 20 anos. 


Ossami Sakamori

5 comentários:

  1. A INCOMPETÊNCIA DO BC E O DESGOVERNOS NOS ÚLTIMOS 13 ANOS TEM NOS FEITO PENAR A CADA DIA QUE VISITAMOS OS SUPERMERCADOS E AS FEIRAS LIVRES, OU MELHOR EM QQUER MOMENTO QUE PRECISAMOS MEXER NA CARTEIRA OU CARTÃO É SOFRIMENTO PELOS ALTÍSSIMOS PREÇOS.
    AGRAVADO AGORA PELA FUGA PELO RALO DE NOSSAS DIVISAS, LEIA-SE, CORRUPÇÃO.
    EXCELENTE E REAL MATÉRIA. PARABÉNS AMIGO SAKAMORI.
    BOA NOITE!

    ResponderExcluir
  2. COMENTÁRIO ACIMA SOB A RESPONSABILIDADE DE MINHA MAINHA CIDA LEMOSPE

    ResponderExcluir
  3. Pois é, esse panaca dos nove dedos, resolveu considerar a China como nosso parceiro comercial previligiado e apostou a nossa economia nas commodities.

    ResponderExcluir
  4. O dólar nos R$ 4,00? Que adianta se equipa economica da bulgara só deixa os turistas europeus levantarem R$ 500 reais e o cidadão brasileiro já pode levantar R$ 1.000?
    Que loucura é essa de maltratar o turista europeu como se fossem vira latas? Tem gente que não volta aqui mais. Consideram essa medida como racismo e é!

    ResponderExcluir
  5. Nossa estou realmente preocupado! O dólar influencia diretamente no meu trabalho (e acredito que no de muita gente aqui), não sei onde vamos parar.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.