Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

domingo, 26 de fevereiro de 2012

ESTAÇÃO ANTÁRTICA COMANDANTE FERRAZ

Começo com a nota oficial da Presidência da República.

"A presidenta Dilma Rousseff recebeu com grande consternação, neste sábado, a informação sobre o incêndio ocorrido na Estação Antártica Comandante Ferraz, que vitimou os militares da Marinha suboficial Carlos Alberto Vieira Figueiredo e sargento Roberto Lopes dos Santos, e provocou ferimentos no sargento Luciano Gomes Medeiros.


A presidenta determinou ao Ministro da Defesa, Celso Amorim, a adoção de todas as medidas necessárias para salvaguardar a segurança dos cientistas, militares e visitantes que se encontravam na Base. 


A presidenta destaca o heroísmo dos militares no combate ao incêndio e, consternada, manifesta sua solidariedade e do seu governo com as famílias dos dois militares, mortos ao servir a Pátria. 


A presidenta reafirma a importância do programa de pesquisas desenvolvido na Estação e elogia a abnegação e o desprendimento dos brasileiros que lá trabalham. A Presidente manifesta, ainda, a firme disposição do País de reconstruir a Estação Antártica Comandante Ferraz. 


Em telefonema hoje à tarde, ela agradeceu ao presidente do Chile, Sebastián Piñera, o apoio daquele país no socorro e no resgate dos brasileiros atingidos pelo incêndio. 


Agradece, também, o apoio e a solidariedade prestados pelos Governos da Argentina, e da Polônia. 


Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República".  


Informações preliminares da Marinha do Brasil informaram que um incêndio na "praça de máquinas", local onde ficam os geradores de energia da Estação Ferraz, causou uma explosão. O fogo destruiu toda a estação, de 2.600 metros quadrados.  Fonte Folha.

Este bloguista não tem conhecimento sobre os fatos, para tecer comentário mais profundo sobre a matéria. Mas, por outro lado, assistiu vídeo, sobre a construção da base científica dos EEUU naquele continente. 

Dois pontos me chamou atenção, sendo engenheiro civil, à construção da base americana. O primeiro é que devido à adversidade, não se permite construção à base de containeres de latas como aparentemente mostra as fotos na nossa base.  O segundo é a necessidade de prever redundâncias em equipamentos de apoio, embora caras, devido a quase impossibilidade de dar assistência naquele continente no período de inverno.
Infelizmente, só com a perda de 2 heróis militares, que as verdades dos fatos virão à tona.  Isto tudo, é ponta de iceberg de reclamo dos militares brasileiros sobre o sucateamento das forças armadas, já manifestadas em diversas audiências públicas no Congresso, assistida por este bloguista. 

Em respeito à memória dos dois falecidos e à angústia dos familiares dos ocupantes daquela base científica, contenho-me a levar discussões mais ácidas sobre o tema.

Ossami Sakamori, 67, engenheiro civil, cidadão comum.
Atendo pelo Twitter : @sakamori10

Um comentário:

  1. Alô Sakamori
    Veja fotos no jornal: informadorchile.com

    abraços

    shami

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.