Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

ENTRADA MACIÇA DE DÓLARES, ACORDA DILMA!

Visão míope da equipe econômica da Dilma, pode levar o Brasil a uma preocupante situação econômica. O governo Dilma, tem um grave erro sistémico na condução da política econômica, marcada sobretudo pela ausência deste. Já foi alertado por este bloguista na sua análise matinal no Twitter @SakaBrasil por diversas vezes, que a equipe Mantega só sabe administrar a Tesouraria. Inclui-se nesta equipe o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini. Senão vejamos.

O presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, disse que a entrada muito rápida de dólares no Brasil é um "risco", mas o país está preparado para uma crise mundial pior. Não foi dito ontem, foi dito por ele em 4 de julho de 2011, na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado.


Segundo ele, a entrada de dólares, que está causando queda no valor da moeda, é uma preocupação do governo. "Um fluxo de entrada muito veloz, quando reverter a situação da economia mundial, pode gerar riscos para a economia brasileira. É bom que não entre [dólar] muito rapidamente. Dito por ele naquela data, em julho de 2011.

"Há uma montanha de dinheiro entrando no País", afirmou o diretor de câmbio da Pionner Corretora, João Medeiros. 

Segundo Banco Central, no mês passado, mostram as estatísticas do BC, o país acolheu US$ 7,283 bilhões de operações de câmbio do comércio exterior e financeiras.

Em três dias de fevereiro, através do câmbio referente às transações financeiras entraram US$ 3,66 bilhões no mercado doméstico.  

Os dólares entram no país quando uma empresa faz investimentos diretos ou quando investidores especulam. O dinheiro dos investimentos diretos é mais confiável, tende a permanecer. Os recursos dos especuladores saem muito rapidamente, quando há outros mercados mais vantajosos para lucros imediatos.  Fonte Uol Economia.

O dólar baixo é bom para os consumidores, que compram produtos importados mais baratos, e para quem vai viajar. Mas é ruim para a indústria brasileira, que enfrenta uma concorrência maior dentro do país e nas exportações (o produto brasileiro fica mais caro, pois consumidores precisam gastar mais dólares para comprar nossas mercadorias). Fonte Uol Economia.

Disse Tombini: "A economia brasileira está preparada para um cenário mais adverso na economia global, com a quantidade de reservas internacionais. Temos liquidez e moedas estrangeiras e reais para eventualidade de aprofundamento da crise internacional, caso venha a ocorrer" na mesma CAE do Senado em julho de 2011. 

Muito bem, a crise já bateu na porta, exatamente como temia Tombini em julho de 2011. Há excesso de dólares no país, sobretudo pelo investimento estrangeiro direto, conforme já noticiado por este bloguista no seu microBlog @SakaBrasil há mais de 90 dias. Ainda, foi levantado a possibilidade de ingresso de dólares, em forma de investimento estrangeiro direto, no montante que poderá superar US$100 BI, no ano de 2012. Diga-se de passagem, foi motivo de chacota, à época.  

A bola está na sua mão, presidente Dilma. Mantega e Tombini, não sabem o que fazer. Mantega falou na Veja que vai aumentar IOF sobre entrada de dólares par conter o fluxo de entrada.  Ledo engano. As empresas transnacionais não mudarão de plano de invesimento no Brasil, por simples medida de taxação de IOF.  Esta medida só deve passar pelas cabeças de administradores da Tesouraria. A equipe econômica é fraca demais. E não adianta chamar Meirelles de volta. Caso isto venha a ocorrer, vai continuar dando privilégio para o setor bancário em detrimento ao sistema produtivo agrícola e industrial do país.

Presidente Dilma, matei a cobra e estou mostrando o páu, lógicamente o páu que matou a cobra. kukuku

#EuSouDaResistance (com a) #QueroBrasilMelhor

Ossami Sakamori, 67, engenheiro civil, simplesmente cidadão brasileiro.  Atendo pelo Twiiter @sakamori10 
  

Um comentário:

  1. Acorda Nha Dirma só Guerrilheiras no Poder não ajudam nada precisa de Técnicos em cada area. Liberte-se do Passado Imundo, esqueça o ódio e pense no Brasil. Nha Dirma.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.