Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 26 de novembro de 2015

Cuidado!!! O Brasil está sem comandante!


O Lula da Silva e o PT estão no desespero, após a prisão do Senador Delcídio Amaral, PT/MS, determinada pela Segunda  Turma do STF e autorizado pelo plenário do Senado Federal, na seção de ontem à noite. A prisão do Senador caiu como bomba no colo do PT e da Dilma. Justifica-se. O Senador Delcídio Amaral foi líder do governo Dilma no Senado, até a prisão, ontem. 

O governo Dilma já estava sem rumo, mesmo antes da prisão do Senador Delcídio. O governo Dilma não conseguiu aprovar, ainda, o Orçamento Fiscal de 2016. Não se sabe se conta ou não com a recriação da CPMF para aumentar a receita da União que está previsto em R$ 1,43 trilhão. 

O mais grave ainda é execução orçamentária deste ano. Até o mês de outubro a caixa do governo federal estava com o rombo de R$ 36 bilhões. Tendo ainda 2 meses para terminar o ano de 2015, sem nenhuma medida o rombo deve terminar com rombo de R$ 50 bilhões, mesmo descontando a arrecadação do leilão das usinas hidroelétricas que rendeu R$ 17 bilhões aos cofres do governo.

A prévia de inflação de novembro está apontando 0,99%, sendo assim, com certeza, o IPCA, inflação oficial, deverá mesmo fechar o ano em 2 dígitos (10% ou acima). Não tem no horizonte nada que justifique que a inflação do próximo ano seja menor que 10%. Com certeza, a inflação do bolso (não científico) deverá bater, novamente, acima de 30%.

Na reunião do COPOM da última quarta-feira, dia 23, decidiu pela manutenção da taxa de juros básicos, Selic, em 14,25%. No entanto, nessa reunião, já houve votos discordantes, pretendendo pelo aumento da taxa Selic. Certamente, na próxima reunião do COPOM, na primeira quinzena de janeiro, a taxa Selic deverá ter ligeira alta, talvez em 14,50%.

Sem o Senador Delcídio Amaral como articulador para aprovação dos projetos no Senado Federal, o governo Dilma ficou sem chão no Senado Federal. Na Câmara dos Deputados, o presidente da Câmara Eduardo Cunha, vem perdendo apoio para manter-se no comando da Câmara baixa. Sem articulação, dentro do acordão firmado entre Dilma e Cunha, o Planalto não aprovará nenhuma medida com facilidade. Dificilmente, dentro deste clima, a recriação da CPMF não terá sucesso. Bem feito para Dilma!

Dentro deste quadro político e econômico, o Brasil é como um Airbus sem piooto. O Brasil está sem comandante! É questão de tempo, esborrachar-se no chão. Cuidado!!!

Ossami Sakamori












7 comentários:

  1. Com todo respeito,mestre Sakamori, mas o Brasil está muito bem comandado por uma poderosa quadrilha que está levando o país à situação da Venezuela e, se, apenas se, ocorrer o que esperamos, esses patifes irão sumir do país, pois já tem sua poupança feita lá fora. Todo mundo sabe e ninguém move uma palha para impedir. Está tudo aparelhado, inclusive o tal glorioso exército de Caxias. Gostaria tanto que Papai Noel existisse. Mais um fim de ano miserável para um povo sem futuro. Demos um disco-voador, com velocidade 15 Match para um apedêuta e agora,nem precisa apertar os cintos...

    ResponderExcluir
  2. Confiemos nos companheiros Barbalho e Collor. Eles saberão conduzir o barco até alcançar portos seguros.

    Enquanto isso o outro companheiro destampa na cachaça com a rose...

    ResponderExcluir
  3. 'Cuidado!!! O Brasil está sem comandante! "

    Mas é que está mesmo! Senão vejamos o que essa grande vaca fez com o Brasil:

    "Dilma baixa decreto transformando a tragédia bíblica de Mariana num "desastre natural"


    CLIQUE em cima da imagem para ampliar e ler tudo.

    Agora se sabe por que razão a presidente Dilma Roussef esperou uma semana para sobrevoar as regiões atingidas pelo rompimento de uma das barragens de acumulação de resíduos das extrações de minério de ferro.

    É que ela estudava com seus assessores e ministros o texto completo do decreto 8.572, aí ao lado, que foi publicado no dia 13 de novembro.

    O decreto transformou a tragédia bíblica de Mariana, Minas, num desastre natural.

    Isto significa que as responsabilidades da Samarco e da Vale, como também dos governos federal, estadual e municipal, não poderão mais ser atacadas, já que a tragédia ambiental foi determinada pelas mãos de Deus.

    Será a salvação da lavoura para as mineradoras, para os governos e sobretudo para as seguradoras."

    http://polibiobraga.blogspot.com.br/2015/11/dilma-baixa-decreto-transformando.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. "Samarco ‘sumiu’ com dinheiro de suas contas, diz juiz

      Juiz determinou o bloqueio de qualquer valor ou movimentação financeira da mineradora.

      O juiz que mandou bloquear R$ 300 milhões da mineradora Samarco disse que foram encontrados “apenas” R$ 8 milhões nas contas da empresa.

      “Em outras palavras e em português claro: a requerida [Samarco] sumiu com o dinheiro, embora, em 31 de dezembro de 2014, tivesse em seu caixa mais de dois bilhões de reais, demonstrando, desde já, que, se, no futuro, vier a ser condenada em ações indenizatórias movidas pelas vítimas do acidente, não tem mesmo disposição alguma de suportar os efeitos de virtuais cumprimentos de sentenças”, afirmou o juiz Frederico Esteves Duarte Gonçalves, de Mariana, Minas Gerais, em despacho emitido nesta quarta-feira, 25, em que determina ao Banco Central o bloqueio de qualquer valor ou movimentação financeira da Samarco.

      (...)"

      http://opiniaoenoticia.com.br/brasil/samarco-sumiu-com-dinheiro-de-suas-contas-diz-juiz/

      Excluir
  4. Quando eu era um mero adolescente, uma vez em férias na casa de meus avos, no interior do Estado, fui "ajudar"meu avô a matar umas aves para serem assadas num forno a lenha, para as festas de final de ano.

    Acontece que, para um garoto criado na capital que só conhecia bem os frangos nos freezers de supermercado, matar um frango era coisa folclórica.

    E lá fui eu ...

    ... dois ou três frangos depois, meu avô pega um pato, mas um pato daqueles enormes, para ser levado ao forno com um tempero especial para o melhor dos assados.

    Como era demasiado grande o comentado pato, não tive forças suficientes para segurá-lo após ter sido degolado.

    Ocorreu um fato que agora comparo com a situação do Brasil de Dilma na atualidade:

    O pato, sem cabeça, começou a correr, sangrando, batendo nas paredes e cercas do cercado das aves, até cair desfalecido depois de sangrar demasiadamente.

    Assim está o nosso país: Sem cabeça, sangrando, debatendo-se não se sabe até quando!

    ResponderExcluir
  5. É o capeta pendurando no rabo de satanás ou, como se diz no populacho, o cão chupando man
    ga!

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.