Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 28 de março de 2015

Brasil em 2015, recessão de 2,5% !


Desde o início do ano, venho chamando atenção dos leitores deste de que o quadro da economia brasileira, a situação vai agravar significativamente. O pior ainda está por vir. A forte desaceleração da economia está sendo admitido pelo próprio ministro da Fazenda Joaquim Levy.

No entanto, a imprensa em geral e articulistas econômicos acompanhando a previsão do Joaquim Levy apontam encolhimento do PIB em torno de 0,5% em 2015. O Banco Central também ajustou a previsão da retração da economia para 0,5% para este ano. É o número que é consenso no mercado financeiro. Mas, isto é mais uma fantasia pregada pelo governo e admitido pelos incautos.


No meu cálculo a retração do PIB do ano de 2015 deverá ser de 2,5%. Para não ter dúvida, estou a dizer que a projeção do desempenho da economia do País, vai ser de recessão ou retração em 2,5%. Dito em termo do cálculo matemático, Brasil terá em 2015, PIB negativo de 2,5% ou seja PIB de 2015 igual a (-) 2,5%. Estou a repisa para não ter dúvida.

No meu cálculo, já anunciado nas últimas matérias, o PIB negativo de 2,5% se deve a dois fatores principais. Vamos considerar para efeito de cálculo que o PIB do sistema produtivo como indústria, comércio e serviços, permaneçam estáveis, nos mesmos  níveis de 2014. O que se prevê é que o setor público, em razão do ajuste, vai provocar uma retração, grosso modo, de 1%. Somado a isto os sistemas Petrobras, BNDES, cartel de empreiteiros e Fundos de Pensão, provocará retração na economia em mais 1,5%, sobretudo devido ao efeito da Operação Lava Jato.

Até entendo o posicionamento dos agente públicos em fazer projeções otimistas para não agravar ainda mais o quadro da economia do País, mas não entendo o posicionamento dos articulistas econômicos e a imprensa em geral. Não entendo porque a imprensa não chama atenção para uma projeção da economia para 2015 com mais realismo. 

O quadro de caos econômicos que estamos a viver foi alertado por este blog, sempre na mesma linha de pensamento, desde fevereiro de 2012. Estamos a pagar sobretudo pelo erro sistêmico cometido pela equipe econômica do primeiro mandato da Dilma presidente. Na ocasião, com índice de aprovação da Dilma em 77%, fui duramente confrontados por estes mesmos articulistas econômicos que se aliam à nova equipe econômica. 

Portam-se maioria dos articulistas econômicos, formadores de opinião, como verdadeiros ventríloquos da equipe econômica comandada pelo Joaquim Levy da Fazenda e ex-diretor do Bradesco. Mesmo as poderosas entidades de classes como Federações das Indústrias, Federações do Comércio, CUT, Força Sindical e outras entidades representativas, não se pronunciam. Viraram todos capachos da Dilma presidente. Formou-se uma verdadeira corrente de puxa sacos que falam o que a Dilma presidente quer ouvir, mas nada que acrescente para melhorar o País.

Não há como mudar a política de ajustes no meio do caminho, ou seja no curto prazo (nos próximos 12 meses), sob pena de tornarem nulas todas medidas tomadas e a tomar nos próximos meses. Dilma presidente teve que tomar atitude, senão colocaria o Brasil no rumo do "default" no médio prazo como já acontecera ao Portugal e à Grécia. O ajustes na economia deverá perdurar nos próximos 12 meses, no mínimo, para produzir algum efeito. Até lá, cerrem os dentes que recessão virá com força total. 


Numa situação de aperto monetário e de inflação alta, quem mais ganha dinheiro é o setor bancário. Não é por coincidência que o ministro da Fazenda e o secretário geral do Ministério, até assunção dos respectivos cargos, eram diretores do Bradesco. E o principal conselheiro da Dilma presidente em matéria econômica é o Luiz Carlos Trabuco Cappi presidente do Bradesco. É pura coincidência também que recém nomeado presidente do Conselho de Administração da Petrobras é o Murilo Ferreira da Vale é também indicação do Bradesco. 

Na essência, as minhas opiniões aqui postadas tem se materializado. Só errei mesmo no prognóstica da reeleição da Dilma para presidente da República.  Eu apostava na eleição do opositor a ela. Até a questão aqui não é errar ou acertar. Não sou mago ou adivinhador do futuro. Faço meus cálculos baseados e interpreto as repercussões que cada medida do governo pode causar na economia. 

O importante é que os formadores de opinião, como vocês, saibam que existem contrapontos às notícias transmitidas pela imprensa e pelos articulistas econômicos de renome. Apertem os cintos que o Brasil vai viver recessão de 2,5% em 2015. 

#RenuncieDilma

Ossami Sakamori



24 comentários:

  1. Também num dava pra prever a fraude das eleições via Smartmatic.

    ResponderExcluir
  2. Bradesco = terrorismo econômico. Esse banco só pensa nele mesmo, porque forneceu possivelmente os melhores profissionais que tem para este governo putativo e leviano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putativo deveria ter outro significado,aqui no Brasil.

      Excluir
    2. Devia! Esse mesmo que estamos pensando!

      Excluir
  3. O Brasil está sendo "frito", mas não entendo como um País em recessão pode crescer. Deve existir algum motivo para se acabar com a classe produtiva.....Essa história está mal intencionada. NÃO SE ACREDITA EM BRUXAS,MAS ELAS EXISTEM E SÃO VERMELHAS

    ResponderExcluir
  4. Um dia todos terão as provas de que a reeleição da Dilma foi fraudada.

    "Houve fraude nas eleições Governo Dilma Últimas CONCLAVE DE WASHINGTON CONFIRMA: GOVERNO BRASILEIRO É ILEGÍTIMO!

    24 de mar de 2015 Postado às 22:45


    Comprovada!

    A FRAUDE nas eleições do Brasil de 2014, foram comprovadas em testes nos Estados Unidos. No dia 21 de março de 2015 (sábado). Houve um Conclave em Washington/EUA, sobre as eleições fraudadas em dez países da América Latina, inclusive no Brasil, usando as urnas eletrônicas.

    O programa A Tarde Fim de Semana da rede de televisão colombiana NTN24, apresentou matéria exclusiva SOBRE A ALTERAÇÃO DE RESULTADOS ELEITORAIS NO BRASIL, VENEZUELA E DEMAIS DITADURAS COMUNISTAS. Desde Washington com Anthony Daquin, ex-Assessor de alta segurança do governo de Hugo Chávez, especialista na área de tecnologia e defesa e convidado especial do "Conclave de Washington pela Democracia, que aconteceu, dia 21 de março de 2015, no National Press Clube, o famoso Clube Nacional de Imprensa da capital norte-americana. Anthony Daquin explicou as conclusões deste evento em que as formas foram anunciadas como teria alterado os resultados das eleições em países como Brasil e Venezuela, por meio da manipulação do sistema de votação eletrônica." Link:http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-conclave-de-washington-confirma-que-governo-brasileiro-%C3%A9-ileg%C3%ADtmo
    .-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-
    Quanto a economia, fazer o quê? Quem manda é a dama de vermelho? E ela posa de economista porque fez o curso de economia via correios!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A quadrilha pagou altas somas à corsária SMARTMATIC,para isso.
      Todo mundo sabe e viu,mas cadê a lei?Cada um faz seu papel.Como não há lei a casa da Mãe-Joana está como esta´.A bandidagem legalizou a sacanagem e deu ares de república federativa das bananas venezuelas,com direito a rei,rainha e 200 milhões de palhaços.

      Excluir
  5. A rainha da fulamba não poderia ter escolhido um algoz mais simpático para desmontar os fundos de pensão Postalis,Petros,Funce,Funci etc.Ouso dizer que o Brasil encolherá 5% neste ano.Só quem ganhará dinheiro é a turma do Ali Babá tupiniquim.

    ResponderExcluir
  6. Vamos ter viver essa recessão de 2,5% do PIB em 2015. E em 2016? As medidas serão eficazes ou viveremos recessão em 2016?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em 2016 não haverá mais Brasil,pois a Unasul,via Forum de São Paulo terá feito do país que ora agoniza,apenas um estado da Grande Pátria (modelo comunista para implantar a nova URSS latina)
      Não enforcaram os lesa-pátrias,agora serão esterco humano.Enquanto vcs.ficam debatendo lógica,os bandidos venderam vcs.

      Excluir
  7. Em 2016 só DEUS e o PT SABE.

    ResponderExcluir
  8. Parabéns pela análise. Mesmo que as suas previsões não se confirmem, o fato é que a situação da economia brasileira é extremamente delicada. Nem poderia ser diferente. Tudo se fez para que isso viesse acontecer.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tudo mais se fará para entregar o Brasil ao demônio vermelho.
      Ninguém vai fazer nada para impedir essa marcha macabra,monitorada pelo polvo de 9 tentáculos.

      Excluir
  9. "A MÁQUINA PÚBLICA PETRALHADA

    Por mais esforço e boa vontade que faço e tenho para acreditar no que diz a presidente Dilma Rousseff, ainda é insuficiente. Diz a presidente que quer concertar o buraco econômico que fez na economia brasileira com o auxilio de um grande técnico no assunto, o ministro sr Joaquim Levy. Não é preciso ser um técnico renomado para enxergar a ferida que está afetando a economia e levando rapidamente o Brasil para o buraco. Veja alguns problemas que observo apenas em Brasília que atinge em cheio o país: só no nosso parlamento temos 460.000 funcionários para atender os serviços da rotina governamental e no Pentágono, sede do governo americano há apenas 4.600, 90% a menos.

    (...)"

    http://libertatum.blogspot.com.br/2015/03/libertatum-recebeu-do-amigo-augusto.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Senhor anônimo das 22:13.
      Desculpe,mas querer comparar os Estados Unidos da América do Norte com a banânia é como querer comparar Deus com satanás...
      Brasília é líder mundial em matéria de cabide de emprego,improdutividade e sacanagem...

      Excluir
  10. Senhor Ossami

    Eu o respeito muito e não quero sequer contradizer seu excelente artigo, mas quando escreve "... sistemas Petrobras, BNDES, cartel de empreiteiros e Fundos de Pensão, provocará retração na economia em mais 1,5%...", penso que ainda deve faltar no seu artigo o mais recente escandalo no qual a Policia Federal suspeita que os danos milionários causados à Receita Federal possam chegar aos R$ 19 bilhões ou talvez mais, se o apuramento do desfalque tiver consequência tipo bola de neve.

    É muita grana! Talvez o Brasil vá viver uma recessão muito superior aos seus de 2,5% em 2015.

    Respeitosamente


    a polícia suspeita que os danos possam chegar aos R$ 19 bilhões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como ninguém toma providência nenhuma,penso que é mera perda de tempo enxugar gelo.A corrupção ficou institucionalizada e todos perderam a vergonha.Roubo é sinônimo de PRODUÇÃO.Quem trabalha,nesse país?Provavelmente fabricantes de dinheiro,porque não há mais nada para ser roubado e o dinheiro não acaba...

      Excluir
  11. O stédile tem um exercito. Um exercito implica ter uma chefia suprema. Qual será seu posto? General de 4 estrelas ou marechal? Talvez marechal para não confundir com tantos generais de 4 estrelas que temos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Stédile é cabo do Exército da Unasul.Nós não temos generais,desculpe o anônimo das 23:58.Se tívéssemos,não estaríamos como estamos e indo para onde iremos(inferno).

      Excluir
    2. E o exército brasileiro ainda diz que tudo está bem e não vai intervir.
      Quem sabe precisará de apoio da Argentina e do Uruguai,para formar uma tríplice aliança,como houve há 100 para destruir o pobre Paraguai.Agora têm medo do Stédile e se intitula de glorioso exército...coitados de vocês,brasileiros.

      Excluir
    3. O exército brasileiro é bom para defender a soberania do Brasil nas favelas! De resto só serve para dar porrada nos brasileiros quando chegar o momento do golpe de estado da esquerda.

      Excluir
  12. Se precisar, o instituto brasileiro produz mais um milagre estatístico na economia.

    ResponderExcluir
  13. Parabéns pelo seu excelente artigo e pela sua persistência em mostrar ao povo a verdade nua e crua sobre a lastimável situação do país.Acho , se me permite dizer, que poderá até ficar acima dos 2,50%

    ResponderExcluir
  14. O IBGE já está com planilha milagrosa de crescimento real de dez por cento.
    Não será para o Brasil,com absoluta certeza...

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.