Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 15 de outubro de 2014

Debate na Band (14/10/2014)



Os leitores deste blog devem estar esperando a minha opinião sobre o debate dos candidatos à presidência da República ocorrido na Rede Band, ontem à noite. Não vou fazer análise mais profunda sobre o resultado global do debate até porque me falta qualificação para fazê-la. Vou apenas colocar alguns aspectos pontuais que ao meu ver saltou aos olhos dos que assistiram o debate.

Vamos começar pelo desempenho da Dilma. A presidente Dilma defende, assim como nos programas eleitorais do TSE, um "Novo governo" e uma "Nova ideia". Como disse Aécio, a Dilma mais parecia ser candidato da oposição ao seu próprio governo.  A própria chamada da campanha, o "Novo governo" e "Nova ideia" deixa o povo meio confuso.

Como era de esperar, já antecipado nas inserções do TSE na televisão, a presidente Dilma faz ataque direta ao seu opositor Aécio Neves, expondo o desempenho eleitoral no estado de Minas Gerais no primeiro turno das eleições. A tática do ataque funcionou com a frágil Marina Silva, mas com o Aécio não funciona. Com o Aécio, bateu levou.

Quanto ao programa do governo, a Dilma enfatiza o programa "Mais especialidade" e "Pronatec". Cita também o programa de construção das creches e o programa Minha Casa Minha Vida. Apenas para lembrar que o programa Minha Casa Minha Vida é financiado com os recursos do FGTS e o subsídio "bancado" com recurso do trabalhador, o FGTS. Vamos lembrar, também, que as unidades habitacionais do programa MCMV não é de graça, o mutuário assume financiamento da habitação em até 30 anos.

Do lado do Aécio Neves, o ataque à presidente Dilma é sobre as denúncias do "petrolão" feito pelo Paulo Roberto Costa, o "Paulinho". Aécio mostrou através da ata do Conselho de Administração da Petrobras que o "Paulinho" se demitiu e além de tudo ficou consignado na ata da reunião o agradecimento do Conselho por "bom serviço prestado" à Petrobras por ele.  O assunto "petrolão" vai sangrar a Dilma até o dia das eleições no dia 26 próximo.  


No tocante ao programa do Aécio frente ao governo, o principal é "baixar a inflação" para não comprometer a renda do trabalhador. Também, faz parte do programa do governo fazer voltar a "confiança" aos empresários para promover investimentos para o País "crescer" e criar novos empregos.

O que impressiona é a defesa com "orgulho" da Dilma, de seu governo estar atendendo 50 milhões de pessoas pelo programa Bolsa Miséria.  Fazendo a conta, os 50 milhões que vive de Bolsa Miséria são 25% da população, estes na minha opinião ou são miseráveis ou são vagabundos. Dizer que 50 milhões de pessoas vivem com R$ 77 per capta mês de "esmola" do governo com "orgulho" brasileiro é piada de mau gosto.  Melhor mesmo é criar emprego através de crescimento sustentável como prevê a política econômica do Aécio.

 Renata Campos

Marina Silva
Na minha opinião, o ponto máximo da fala do Aécio Neves, foi a homenagem que ele fez à Renata Campos, viúva do Eduardo Campos. Também, de igual forma, a cortesia do Aécio em lembrar o nome da Marina Silva agradecendo pela adesão à sua candidatura, foi o ponto máximo do debate de ontem na Rede Band. Isto na prática, soma mais votos que o restante do debate de ontem. 

Ossami Sakamori



13 comentários:

  1. A Dilma parecia bastante nervosa e o Aécio bem mais seguro...

    ResponderExcluir
  2. Brilhante análise Mestre Saka.. Aécio mandou muito bem.. Dilma um pouco mais preparada para atacar.. levou a pior.. hahahaha..

    ResponderExcluir
  3. Dilma preparada com ponto eletrônico. Desonesta.
    Vejam:
    http://marcandotempo.blogspot.com.br/2014/10/a-desonestidade-tem-nome-candidata.html

    ResponderExcluir
  4. Saka Querido Mestre! Envio afetuoso abraco pelo nosso dia. Extendo esse abraco a todos os Professores, q com lagrimas, suor e vocacao, enfrentam a realidade mentirosa, maldosa, ineficaz, da Educacao no Brasil! Quanto ao debate, Saka, nao reuno mais condicoes psicologicas para dar audiencia a esse fracasso ambulante q vergonhosamente governa o Brasil. Lembro-me da Indira Ghandi, da Margareth Tatcher, da Angela Merkel, e sinto vergonha! Nosso Pais, esse maravilhoso Pais sendo levado a estagnacao com inflacao! (imagine), ao descalabro da corrupcao generalizada, para citar algumas mazelas, sabendo q existem outras, igualmente graves. Como estara o Barao do Rio Branco, expoente da nossa diplomacia ao constatar o Brasil carrerando a pecha, o estigma de "anao diplomatico"? Nosso gigante esta ferido de morte! Esta sangrando. Nao sei se nossas matas ainda tem palmeiras. Se nossos sabias ainda gorgeiam, como la! Meu Deus, ainda existem aqueles q votam nesse fantoche! Nao estivesse nossos orgaos aparelhados, fosse o Brasil um Pais serio, essa terrorista e seus sequazes deveriam estar presos. Bem presos. Banidos, deportados ate a 5a. geracao por tanto mal q fizeram e ainda fazem ao Brasil. Aecio e um democrata, um estadista, coisa de crossomos... Estou empenhada na mudanca, e espero q ocorra. Obrigada. #Aecio-45Presidente

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O zé povinho (com ou sem gravata,com ou sem estudo,incluindo os burgueses),não estão nem aí.
      Temos no nosso DNA a corrupção e tudo,absolutamente tudo nessa terra é alimentado por isso.
      Desculpas esfarrapadas,país sem Lei (cumprimento extrito),país sem dono,onde cada um quer ter mais que o outro (a qualquer custo),onde grupinhos mandam em cidades,estados e no país,por alinhavarem interesses comuns aos piratas da Somália.
      Gente com cara e fala bonita (repetitiva) que não leva o país a lugar algum,senão a situação degradante de um desgoverno típico da América do Sul,berço de políticos podres...
      Vamos tentar mudar algo,votando no Aécio,porque o que aí está mostrou quem é e a que veio.

      Excluir
  5. Fico envergonhada quando vejo tanta palhaçada em nome de uma Eleição.De um lado o Futuro, do outro a continuidade da mesmice, a pontuação da comodidade, a segurança de cargos de confiança que pagam muuuuito sendo disputados a tapa para serem conservados.Na realidade, se defende o que se ganha, e o BRASIL , pobre Brasil, pobre povo brasileiro. Saka, espero que como eu, o povo pense no amanhã......abraços

    ResponderExcluir
  6. Sakamori:

    Um trecho de fala da Dilma que me parece é um pouco "enrrolada" para expor suas idéias:

    Candidato eu agora, bem quero dizer, o senhor governador, bem ex, agora é senador fêz não, ia fazer, mas eu quero...

    E por aí vai.

    ResponderExcluir
  7. O que ela queria dizer era mesmo "Novo governo", "Nova ideia" e "Nova Ordem" bolivariana, ou petista pou soviética com o famigerado decreto lei da implementação do proletariado a governar o Brasil passando por cima do poder Judicial e Legislatvo.

    Ee resto foi igual a ela mesmo, uma vaca bulgara com doença das vacas loucas;

    ResponderExcluir
  8. "164 economistas dizem que Dilma mente sobre crise internacional para justificar depressão no Brasil

    (...)

    Atualizada em 15/10/2014 às 14h30

    Dizem os acadêmicos: "Não há, no momento, uma crise internacional generalizada. Alguns de nossos pares na América Latina, uma região bastante sensível a turbulências na economia mundial, estão em franca expansão econômica. Projeta-se, por exemplo, que a Colômbia cresça 4,8% em 2014, com inflação de 2,8%. Já a economia peruana deve crescer 3,6%, com inflação de 3,2%. O México deve crescer 2,4%, com inflação de 3,9%.1 No Brasil, teremos crescimento próximo de zero com a inflação próxima de 6,5%. Entre as 38 economias com estatísticas de crescimento do PIB disponíveis no sítio da OCDE, apenas Brasil, Argentina, Islândia e Itália encontram-se em recessão. Como todos os países fazem parte da mesma economia global, não pode haver crise internacional generalizada apenas para alguns. É emblemático que, dentre os países da América do Sul, apenas Argentina e Venezuela devem crescer menos que o Brasil em 2014."

    (...)"

    http://veja.abril.com.br/noticia/economia/em-manifesto-economistas-dizem-que-crise-alardeada-por-dilma-nao-existe

    ResponderExcluir
  9. A gasolina não precisa de ser aumentada no Brasil.

    "Gasolina no Brasil está mais cara que no exterior

    O motorista está pagando mais caro no Brasil do que se comprasse gasolina no exterior, em relação à média de valores do mercado. A informação é do banco Credit Suisse que afirma que o combustível fora do país está 1% mais barato, influenciado pela queda dos preços do petróleo.

    Com isso, inverteu-se uma situação de defasagem dos preços que ocorria desde 2011, já que a Petrobras estava assumindo o custo da variação internacional para não repassar o preço real ao consumidor e acabar elevando a inflação. No mercado internacional, houve queda de 19,2% no preço do petróleo.

    (...)"

    http://opiniaoenoticia.com.br/economia/gasolina-no-brasil-esta-mais-cara-que-no-exterior/

    ResponderExcluir
  10. "Ditadura Petista: Dilma se encontra com movimentos sociais e expõe as suas pretensões bolivarianas se for reeleita. Ela deixa claro: o Congresso só atrapalha!"

    http://www.libertar.in/2014/10/ditadura-petista-dilma-se-encontra-com.html?utm_source=feedburner&utm_medium=email&utm_campaign=Feed%3A+LibertarinSejaLivreAntesQueSejaTarde+%28LIBERTAR.in+%3A%3A+Seja+livre%2C+antes+que+seja+tarde%21%29

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.