Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

sábado, 17 de outubro de 2015

Joaquim Levy já está fora do baralho da Dilma.


A notícia de que o ministro da Fazenda Joaquim Levy vai deixar o comando da economia do País é a notícia de hoje nos principais jornais de circulação nacional. Mesmo a presidente Dilma, em viagem internacional, não confirmou o ministro no cargo, mas nem desmentiu. Isto é sinal claro de que Joaquim Levy vai desembarcar do governo Dilma. O tempo quem vai definir é a presidente Dilma.

A economia do País está deteriorando muito rapidamente. O principal motivo para isso é a perda de confiança dos agentes políticos e econômicos à capacidade da presidente Dilma em conseguir a maioria no Congresso Nacional. Dilma necessita de aprovação de projetos importantes para equilíbrio dos Orçamento deste e do ano que vem. Presidente Dilma necessita, também, de apoio no Congresso Nacional para impedir o impeachment.  

A falta de apoio da presidente Dilma ficou evidenciado na na tentativa de votação dos "vetos" presidenciais, onde o governo não conseguiu número suficiente para "manter" os vetos. O governo não conseguiu nem o comparecimento da maioria simples na Câmara dos Deputados, à despeito da reforma ministerial promovida para conseguir a maioria no Congresso Nacional.

O ministro Joaquim Levy, não está conseguindo equilibrar o Orçamento Fiscal deste ano, apesar de medidas de ajustes aprovadas no primeiro semestre. Além de tudo, o relatório do TCU, aponta que o ministro Joaquim Levy continua com a vela prática de "pedaladas fiscais" para tentar equilibrar o fluxo de caixa do Tesouro Nacional deste ano.

Outro problema crucial é a aprovação do Orçamento Fiscal de 2016 com o "superávit primário" como queria o ministro Joaquim Levy. Ele vinha prometendo nos seus périplos nas principais praças financeiras do mercado financeiro internacional de que geraria "superávit primário" no Balanço Fiscal deste ano e manter o Orçamento Fiscal de 2016 em equilíbrio. O governo Dilma conta, além de outras medidas, recriação da CPMF, para poder gerar o "superávit fiscal".

Com a falta de apoio parlamentar, dificilmente o Congresso Nacional vai aprovar a recriação da CPMF. E sem aprovação da CPMF, não há Orçamento Fiscal com "superávit primário" como Joaquim Levy prometeu ao mercado financeiro internacional. A não aprovação da nova CPMF pode gerar novos rebaixamentos na classificação de riscos nas principais agências de rating.

O governo Dilma perdeu controle sobre a inflação. O governo Dilma não consegue equilibrar o Orçamento Fiscal deste e do ano que vem. O governo Dilma não consegue passar confiança aos empresários fazer novos investimentos, pelo contrário, os empresários estão botando freio em novos investimentos. Os empresários, não só deixou de investir, mas estão diminuindo a produção ou mesmo está fechando os seus estabelecimentos, causando desemprego em massa. 

Quadro pior não poderíamos estar a vivenciar. E nem vemos qualquer perspectiva de melhora nos próximos anos com a permanência da Dilma Rousseff no cargo de presidência da República. 

Ossami Sakamori

















20 comentários:

  1. Já vai tarde! Espero que agora Lula não pressione para voltar o Henrique Meireles.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Esse apedeuta,que comprou o Brasil,vai fazer o o que for conveniente para a quadrilha legalizada.

      Excluir
    2. Quem quer Levy fora do governo é o Lula, porém Dilma afirmou em entrevista hoje em Estocolmo que Levy continua no cargo. Vamos ver até quando Dilma aguenta a pressão do Lula e o PT.

      Excluir
  2. A quadrilha já tem opção 2 pronta.
    Só não tem opção 2 para resolver os problemas do povo,que é usado como massa para enganação.O rato barbudo prova que nunca abandonou o poder e o faz,na sombra,usando a Dilma como poste,onde urina.O mafioso não vai largar o osso,chupando o sangue do povo até acabar com os brasileiros.

    ResponderExcluir
  3. Concordo plenamente com o "Anônimo" acima...

    ResponderExcluir
  4. Fomos colonizados por corruptos,cuja tradição se estenderá AD INFINITUM.
    O Brasil nunca foi um país sério e nunca o será.Aqui é o paraíso dos trambiqueiros.Há pouca gente séria por aqui.A maioria foi embora ou está querendo ir,procurar um país decente para viver.Somos a latrina da América Latrina e do mundo.VIvemos de ilusão,com uma bandeira bonita,um slogan bonito(ORDEM E PROGRESSO),uma Constituição bonita mas,na prática,somos uma republiqueta da pior categoria,onde todo mundo só pensa em levar vantagem em tudo,pensando somente no seu umbigo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo totalmente com você , Anônimo das 10:31'

      Excluir
  5. A QuadrilhaBrasil funciona assim mesmo:não funciona,descarta.
    Simples,assim.
    Povo dominado e sem futuro,nas mãos de ratos blindados e legallizados,usando a palavra Democracia para implantar o comunismo,de forma velada.O poder emana dos corruptos,para ser servido pelo povo idiota.

    ResponderExcluir
  6. O difícil é que ninguém nos dará solução a curto prazo. Esse é o mais duro. Dilma saindo os problemas continuarão firme e forte.

    ResponderExcluir
  7. O difícil é que ninguém nos dará solução a curto prazo. Esse é o mais duro. Dilma saindo os problemas continuarão firme e forte.

    ResponderExcluir
  8. A solução só pode vir do povo,com revolução real,não virtual.

    ResponderExcluir
  9. Se contássemos com algum líder carismático e patriota poderíamos sair desse " buraco negro " , mas , como não dispomos de "heróis ", apenas um "milagre milagroso " nos salvará.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ´Nunca haverá um líder do bem,por que o líder do mal tomou conta de tudo,comprou e alineou tudo e todos que pudessem reverter esse quadro.Não haverá milagres.Estdamos irremediavelmente sem saída,sem futuro e destinados à miséria,principalmente que estiver com mais de 50 anos e não tiver feito patrimônio.Nosso país está no ritmo da Venezuela e o barbudo FDP já comprou o Brasil,cuja nova capital é no Foro de São Paulo.Esse indivíduo é o demônio,ou filho dele...

      Excluir
    2. Perdemos tempo num debate inútil e sem objetivo.
      Os comunistas já compraram o lesa-pátria,quadrilheiro e tutor da guerrilheira que é chefe das forças armadas,que poderiam e deveriam nos redimir mas,falsos brasileiros que são,nada farão pelo povo.Desistam desse país falido.Quem puder procure outro país decente,para viver.

      Excluir
  10. Respostas
    1. ESSES CORVOS VÃO CONFISCAR ATÉ O SANGUE DO POVO...

      Excluir
    2. Já está acontecendo. Muitos brasileiros viraram ZUMBIS...!

      Excluir
  11. Na Suécia DILMA defendeu duas coisas:

    1. A CPMF, e

    2. LEVY.

    Disse mais, que o Brasil, segundo palavras dela, não irá fazê-la sair do seu posto, sendo isso uma garantia aos suecos da idoneidade da compra que estava fazendo.

    Vejam que os jornalistas estavam menos preocupados com a venda que seu país realizara que com a capacidade de DILMA honrar o acordo pactuado.

    Coitados, não demora ela deixará o governo e os suecos na mão, fazendo com que fiquem torcendo para que quem vier depois, cumpra os compromissos assumidos pelo governo corrupto.

    ResponderExcluir
  12. Esse poste,de sexualidade duvidosa,é simplesmente ridícula e símbolo de uma piada mundial,chamada Brasil . Nosso país se tornu latrina universal,com uma guerrilheira comandando um exército de batas vermelhas,vendido e descomprometido com o povo do Brasil .Pobres diabos que habitam a República Federativa da Banânia Bolivariana...

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.