Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quarta-feira, 21 de outubro de 2015

A hora é de aposta na taxa Selic !


O Banco Central deve anunciar nesta quarta-feira a taxa Selic com ligeira alta em relação à taxa vigente de 14,25%. O Banco Central vem praticando ao longo do ano taxa de juro real de 5% ao ano para agradar os investidores estrangeiros especulativos. Mantida a mesma política monetária, o Banco Central deve aumentar a taxa Selic ao nível entre 14,50% e 14,75%. 

O governo anunciou a prévia de inflação para este ano em 9,77% ao ano. Segundo a mesma fonte a taxa de inflação da cidade de São Paulo já atinge o patamar de 10% ao ano. O vilão desta vez é botijão de gás e gasolina na bomba. Este índice serve para balizamento da taxa Selic, na cabeça dos membros do COPOM.

A maioria dos analistas econômicos aponta a manutenção da taxa Selic no atual patamar de 14,25% ao ano. No entanto, se pensar com a "cabeça de bagre" do presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, haverá ajuste da taxa Selic para cima. O Banco Central vem praticando política monetária equivocada, tentando segurar a inflação com a taxa Selic. Segurar inflação com aumento de taxa básica de juros da dívida pública interna é formula clássica do FMI.

O pagamento de juros  reais, a mais alta entre as 40 principais economia do mundo, ficando apenas atrás da Turquia, só evidencia a desconfiança dos investidores especulativos internacionais, que financiam cerca de 20% do título público federal. Essa história de que o aumento da taxa Selic é para conter a escalada inflacionária é conversa para "boi dormir". 

A taxa Selic deverá ser anunciado pelo Jornal Nacional da Rede Globo, hoje à noite. Vamos ver o que vem pela frente. Vamos ver se o mercado tem razão ou eu tenho razão. Se eu for perdedor, será melhor para a economia do País. 

Ossami Sakamori












10 comentários:

  1. Sr.Sakamori,

    Pena que o senhor acerta todas as previsões (pior para o país),mas não camufla a realidade,o que é feito,sistematicamente,pelos mágicos de Brasília.
    Enquanto isso,caminhamos ladeira abaixo,seguindo a Lei da Inércia.
    Só a piedade divina para nos ajudar,porque os milagreiros de plantão não estão com nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No país da incompetência proposital,nada assusta mais ninguém.
      Dá-se jeitinho em tudo e faz de conta que tudo está bem.Vivemos essa ilusão de que temos um país e instituições sérias,há cinco séculos e o povo já se acostumou a comer barro e achar que é chocolate,banana pensando que é caviar,água julgando ser uisque e por aí vai...

      Excluir
  2. Isto é um absurdo, um saque declarado aos salários, aposentadorias, um verdadeiro desmonte do Brasil. Aonde tudo isso vai parar e quando? O que está precisando acontecer para darmos um basta geral neste desgoverno, não podemos continuar não temos condições de continuar neste inércia enquanto o Brasil quebra, e todos nós população quebramos juntos, Em qualquer país deste mundo, país sério é claro, já teria havido uma intervenção de fato e de direito, mas, aqui que estamos mais pra casa de mãe Joana, nada acontece e os estádios cheios, shows lotados como se nada estivesse acontecendo, é uma falta de compromisso e de vontade lutar que enquanto brasileira, me entristeço profundamente. Taxa e juros reais à 40%, não tem quem aguente> Que Jesus tenha misericórdia de todos nós.
    Excepcional matéria Saka, parabéns.
    Cida LemosPE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mereceríamos um nome pomposo,embora jocoso:
      República Federativa da Banânia Bolivariana.
      Lamentavelmente,somos o mico internacional...

      Excluir
  3. Jornal do SBT deu a notícia: BC manteve a Selic em 14,25%.

    ResponderExcluir
  4. A PatifariaBrasil em pleno funcionamento,com traidores da pátria comandando o saque ao povo brasileiro.

    ResponderExcluir
  5. A Selic NUNCA foi elemento de controle inflacionario. trata se apenas de termometro da saude fiscal do pais de honra uma divida ETERNA que so aumento pois o Estado brasileiro SEMPRE foi deficitario. O outro lado da moeda é o balanço de pagamentos brasileiro NECESSITA de investimento externo estrangeiro pra fechar as contas pois nossa balança comercial/de capital não dá conta. Vivemos numa Matrix, ate os economistas creem que a Selic serve pra controlar a inflação pra nao mencionar os jornais.
    A realidade é que, independente da Selic, o Brasil é o país da agiotagem oficial instituída, e quem capitaneia essa farra toda e a taxa oficial a ser decidida pelo governo são os bancoes que temos ai.

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.