Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

terça-feira, 10 de junho de 2014

Eleições 2014. Nada muda se você não mudar!

Crédito da imagem: Paula Garcia

É preciso ousadia para mudar. Escrevo matérias neste blog desde 15 de fevereiro de 2012. No início, as críticas feitas à administração Dilma era como gritar no deserto.  Não havia ressonância.  Pelo contrário, havia muitos comentários impublicáveis sobre este que escreve.

Felizmente, hoje, 70% da população brasileira clama pela mudança do rumo do País.  A paciência do povo já esgotou. O povo já cansou de ver tanta roubalheira aos cofres públicos sendo acobertada pela presidente Dilma.  O povo já cansou de ver o Lula se enriquecer fazendo loby para empresários.  

O povo já percebeu que a "sensação de bem estar" é efêmera. O povo não é asno.  O povo sabe que a "sensação de bem estar" tem prazo de validade.  O prazo de validade é a data de eleições no mês de outubro.  

O povo já percebeu que a "sensação do poder de compra" está com dias contados.  A inflação do bolso vem comendo o poder de compra, à despeito de inflação oficial ser um número mágico que estaciona no teto da meta.  Que inflação besta que só atinge o bolso do povo, enquanto não atinge o bolso dos mais abastados do País?

O povo clama pela mudança.  Engana-se os candidatos à presidência se pensar que o povo clama pela mudança de nomes.  O povo clama pela mudança de comportamentos de cada candidato, tanto faz ao legislativo ou ao executivo.  Não basta mais "o novo" ou o velho "salvador da pátria".  O povo clama pelo comportamento ético e pela probidade na administração pública de cada candidato. 

O povo não aguenta mais ouvir a leitura dos discursos escritos pelos marqueteiros.  O povo não quer saber mais dos velhos chavões das campanhas políticas, cada um priorizando os setores com problemas.  Educação de má qualidade, doentes morrendo nos corredores de hospitais e segurança pública em frangalhos, nem deveriam ser prioridades no planejamento dos candidatos.  Os setores citados são serviços essenciais de obrigação do Estado!

Dilma e Lula são figuras queimadas.  Os nomes já são como ascos.  O povo não aguenta mais ouvir nomes de canalhas e quadrilheiros que habitam o planalto central do Dom Bosco. Qualquer candidato que se apresentar como "probo" e "competente" levará fácil as próximas eleições, seja ela em nível legislativo ou executivo.   Que se apresentem os candidatos com estas características e que prometam a mudança de comportamento no exercício dos respectivos cargos. 
Nada muda, se você não mudar na hora do voto!

Ossami Sakamori




3 comentários:

  1. Nós, povo brasileiro, devemos fazer como a mulher que é maltratada pelo marido. Ela tem que mudar de vida para tentar ser feliz com outra pessoa. Para isso tem que romper com o atual. Então, rompamos com o PT e vamos escolher outro governo. Atenção: escolha bem!

    ResponderExcluir
  2. O povo com certeza clama pela mudança de paradigmas na atuação do poder político Nacional. O Brasil já esperou d+....Parabéns pelo artigo. Abraço!

    ResponderExcluir
  3. Bla,bla,bla...
    A França só se tornou o que é graças à Revolução Francesa.
    Lá,como em muitos países que mudaram,pelo POVO,não pelos GOVERNANTES,usou-se sangue par re-escrever sua história.
    Todo o resto (nossa especialidade é mero Blá,blá e bla...).
    Ou a História está errada?

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.