Receba novas matérias via e-mail adicionando o endereço

quinta-feira, 18 de agosto de 2016

Meirelles é Friboi !


Está no centro do foco, novamente, o grupo JBS/Friboi. O Procurador Geral da República, pediu ao STF que a investigação sobe as empresas suspeitas de corrupção na CEF seja enviado ao juiz Sérgio Moro da 13ª Vara Federal de Curitiba. O processo se refere ao pagamento de propinas pelos empréstimos do recursos do FI-FGTS feito pela CEF para várias empresas, entre as quais a Eldorado do grupo JBS/Friboi. 

Segundo a acusação do delator premiado Fábio Cleto, ex-diretor da Caixa Econômica Federal, de cota do deputado Eduardo Cunha, de que a Eldorado foi favorecido com um aporte de financiamento de R$ 940 milhões com recursos proveniente do FI-FGTS. O delator aponta, entre vários empresários, o presidente do grupo JBS/Friboi, Joesley Batista, na relação de "corrupção ativa".

Num outro processo que corre na 13ª Vara Criminal federal de Curitiba, decorrente da Operação Xepa, Mônica Moura, mulher do marqueteiro João Santana, aponta a empresa JBS/Friboi como doador da campanha da Dilma em 2014, sob forma de caixa 2. Segundo a delatora premiada, a JBS/Friboi teria pago a dívida do PT junto a gráfica Focal Confecção de São Bernardo de Campo, sem que a mesma empresa tenha feito algum serviço para o próprio grupo JBS/Friboi.

O grupo JBS/Friboi, cujo principal executivo foi o Henrique Meirelles e ex-presidente do Banco Central do governo Lula da Silva por 8 anos, fez doação oficial de R$ 361,8 milhões para a campanha presidencial da Dilma em 2014. O grupo JBS/Friboi foi o maior doador individual das campanhas da Dilma e também do Aécio Neves. Justifica-se as doações pelo comprometimento do grupo JBS/Friboi com o governo federal, pois o grupo é individualmente, o maior tomador de financiamentos do BNDES, com juros subsidiados à taxa de 3,5% ao ano, fixo. Vamos lembrar que enquanto isto, a taxa básica de juros que o Tesouro paga para rolar a sua própria dívida pública é de 14,25% ao ano.

O grupo JBS/Friboi é também o dono do Banco Original, estruturado pelo Henrique Meirelles, atual ministro da Fazenda do governo Temer, para competir no mercado financeiro brasileiro. Vamos lembrar que o Meirelles foi o principal executivo do grupo JBS/Friboi até ser nomeado como ministro da Fazenda do governo Temer. É mais ou menos a história do lobo cuidando do galinheiro. Meirelles é banqueiro antes de tudo, acorda e dorme com os "juros altos" na cabeça. 

A permanência do Meirelles na Fazenda pode abalar a credibilidade do governo Temer, no momento mais delicado da economia e política do País. 

Ossami Sakamori



5 comentários:

  1. Podem esperar :
    A famosa Farra do Boi (corruptela de Friboi) vai se ampliada logo após a saída da ¨cumpanhera¨no final do mês.
    Aguardem.

    ResponderExcluir
  2. Como pode um governo ser sério tendo como seu principal Ministro um tipo como Meirelles? Só no Brasil, mesmo. Michel Temer sabia dos "rolos" do Meirelles junto com Lula e assim mesmo nomeou o banqueiro. Quem anda com bandido, também o é. Será que Michel Temer nomeou o Meirelles só para agradar Lula com medo de uma represália? Vai ver, Temer não é tão "limpo", ou Michel Temer abraçou de vez os banqueiros que são, na verdade, quem ditas as regras no Brasil.

    ResponderExcluir
  3. O lobo cuidar das ovelhas é anti natural nas crônicas infantis. No Brasil as OVELHAS elegem e reelegem os LOBOS famintos por cargos, verbas, pixulecos e INFORMAÇÕES PRIVILEGIADAS.
    Nossa sociedade ainda não entendeu que nossa democracia está contaminada por Lobos de todas as cores. que o Macho ALFA nesta alcateia ou se lambuza nestes pelos ou não consegue se mover.
    Nossa democracia sofre uma CONSPIRAÇÃO mortal em todos os níveis. Todo nosso TESOURO está a mercê de piratas e espertalhões, que mesmo vendo as tragédias país afora não se acanham em nos usar e abusar.
    Se este que no mês que vem será o PRESIDENTE de fato do Brasil tiver brio, coragem, astúcia e principalmente caráter, mudará esse quadro de financistas trabalhando pelo financeiro sistema.
    O Brasil carece de um INVENTÁRIO em todo o SISTEMA BANCÁRIO e principalmente nos bancos DITOS PÚBLICOS...

    ResponderExcluir
  4. SOCORRO BRASIL!!!! TEM UMA DOIDA EM BRASÍLIA QUERENDO DERRUBAR CASA DE TRABALHADOR

    SE ELA QUER SER MAIS REALISTA QUE O REI, PQ NÃO BOTA O BANDO DE LADRÃO NA CADEIA? EM BRASÍLIA O QUE NÃO FALTA É LADRÃO.

    SACANEAR PÓBRE É FÁCIL. QUERO VER SE METER COM OS TUBARÕES SUA VACA

    ResponderExcluir

Não há censura ou moderação nos comentários postados aqui.
De acordo com a legislação em vigor, o editor deste blog é responsável solidário pelos comentários postados aqui, inclusive de anônimos.